segunda-feira, 29 de maio de 2017

DIRETAS, JÁ!

As impressionantes imagens da gigantesca manifestação pelas "DIRETAS, JÁ" - em Copacabana - Rio de Janeiro/RJ


video



Será difícil empurrar outro presidente ilegítimo

Foi chuva, nevoeiro, mas o carioca foi à praia de Copacabana e não arredou o pé, desde o começo da amanhã e adentrando pela noite.

A população cansou de coxinha, lava jato e manipulação de Rede Globo em favor de uma quadrilha que insiste em assaltar o Brasil e o povo brasileiro.

Quadrilha, diga-se de passagem, cujos membros estão no parlamento, no executivo e, principalmente, no poder judiciário.

domingo, 28 de maio de 2017

DIRETAS, JÁ! Hoje (28), os cariocas fizeram o maior ato político da história de Copacabana

O Rio de Janeiro começou o movimento "DIRETAS, JÁ!"

A maior manifestação política da história de Copacabana 




Estremeceu a GLOBO, o Temer e o PSDB

O carioca deu o tom, mais de 200 mil pessoas na praia de Copacabana exigem DIRETAS, JÁ!

Debaixo de chuva, nevoeiro, mas o povo não arredou o pé, o movimento foi gigantesco, assustando os TEMER, GLOBO e PSDB.

Espontâneo

Caetano Veloso, Maria Gadú, Mano Brow e vários artistas deram o tom dessa festa do resgaste da democracia brasileira.

O movimento vai se agigantar mais ainda, pra desespero da trupe que comandada pela Rede Globo assaltou o poder político, invadiu o planalto e roubam direitos dos brasileiros.

Temer cai, o povo deve escolher o seu caminho

O ato contou com a organização das frentes Povo sem Medo e Brasil Popular. “É um fato: Temer não se sustenta mais na presidência. Agora é hora de escolhermos o nosso caminho”, afirmam os organizadores.

Uma multidão jamais vista em COPACABANA - DIRETAS, JÁ!


video

Aécio, o "mineirin", o filho de FHC e o próprio FHC devem parar na cadeia, diz jornalista





A  "republika de kuritiba" na suruba do Jucá

Com a absolvição da mulher do CUNHA fica tudo mais claro a cada dia, a "republika de kuritiba" entrou na suruba do Jucá.

PSDB e Temer

A JBS e a ODEBRECHT mostraram que o negócio é do PSDB, do TEMER e de parcela corrupta do judiciário e MPF.

Mercado de delações 

Mais cedo ou mais tarde, esse mercado de delações e seus advogados cairão como uma bomba no colo da "republika de kuritiba".

Caindo todos, mas ainda soltos

Quem eles mais desejavam proteger, por ironia, o Brasil inteiro já sabe que são notórios ladrões: Aécio, o "mineirin", é apenas um operador.

STF e PGR escondem gravações mais comprometedoras

O que mais se comenta é que o STF  e a PGR escondem as gravações mais comprometedoras, algumas delas envolvendo os donos da REDE GLOBO, a JBS era o principal anunciante da emissora.

sábado, 27 de maio de 2017

LULA recebe consultor do Papa Francisco

Consultor do PAPA diz que LULA é uma referência para o mundo da paz e da justiça social




LULA

Na última quinta-feira, Juan Grabois, consultor do Papa Francisco, conversou reservadamente com Lula, quando lhe presenteou com uma cópia da encíclica "Laudato Si". 

Consultor do PAPA diz que LULA é uma referência para o mundo

Grabois lembrou que LULA é uma referência mundial no combate à fome recordando o seu programa Fome Zero e o prêmio recebido por ele da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO).

O ex-presidente mostrou interesse em conhecer mais sobre os encontros mundiais de movimentos populares com o Papa, dois deles realizados no Vaticano e outra em Santa Cruz de la Sierra (Bolívia), no qual Grabois foi uma figura chave. 

Nazifascismo é uma ameaça viva

O emissário do Papa FRANCISCO disse ao presidente LULA que está preocupado com o atual contexto de "ressurgimento de uma forte ofensiva contra as forças populares" por parte de representantes do nazi-fascismo.

No final da conversa, o consultor do Vaticano também apresentou cópias de três discursos do Papa, em português, em cúpulas mundiais e saiu com a impressão de que LULA é "o único que pode resolver a crise no Brasil."



O GRITO DO POVO EM BRASÍLIA E O DRAGÃO DE TRÊS CABEÇAS - Por Raimundo Moura

O último dia 24 de maio de 2017 foi histórico para a classe trabalhadora. O povo brasileiro, organizado nos diversos movimentos sociais, populares e sindicais, deu o seu recado aos três poderes da república: todo poder emana do povo!

A classe trabalhadora se rebela de forma unificada para continuar a viver e ser reconhecida como gente que merece respeito e dignidade.

O povo venceu o medo e compreendeu que não dá mais para ficar de joelhos, esperando ser torrado pelo "dragão de três cabeças", representado pelos poderes executivo, legislativo e judiciário.

Mas a reação foi imediata e tirana, sobretudo porque quem domina tenta calar qualquer resistência popular que ousa lutar contra a ordem e o progresso da burguesia, por isso para esvaziar e enfraquecer essa resistência que vem do povo, bate, amedronta, ilude e, sem piedade, calunia, tortura e até mata quem ameaça a ordem do sistema dominante e explorador. Já fizeram isso no passado e continuam fazendo no presente por meio de um golpe parlamentar, judiciário e midiático que o povo brasileiro sofreu em nome da manutenção do poder do capital em detrimento do sofrimento da população.

A grande verdade que a mídia burguesa não contou é que o povo foi mal recebido na capital do seu país. Fomos recebidos pelas forças armadas do estado burguês que tentou calar a boca de uma sociedade revoltada e humilhada por um presidente ilegítimo e corrupto, que juntamente com um congresso cheio de ratos está destruindo o pouco de soberania que ainda existe no Brasil.

Nosso país está inundado na corrupção e tomado por uma crise institucional, política, social e ambiental.

O episódio de Brasília provou que esse presidente golpista e seu congresso de bajuladores não respeitam a democracia brasileira, por isso transformaram a capital da nossa república num verdadeiro campo de guerra. Só que o alvo foi a própria nação brasileira que foi exigir que o Temer "vaze" do comando do nosso país, dizer não as reformas golpistas e que o congresso convoque DIRETAS JÁ.

O que é mais imoral e vergonhoso é que enquanto esse episódio acontecia em Brasília, mais um massacre de trabalhadores rurais acontecia no Sul do Pará. Novamente a polícia militar, sob o comando do Governo do Estado do Pará, Simão Jatene do PSDB, assassinou de forma covarde e brutal, 10 camponeses, dentre esses uma mulher, liderança do STR de Pau Darco. Isso depois de 21 anos do Massacre de Eldorado.

Nesse mesmo dia, no município de Marabá, no Sudeste do Pará, os educadores tiveram o seu plano de cargo, carreira e remuneração rasgado na Câmara de Vereadores que preferiram servir o prefeito municipal Tião Miranda ao invés de defenderem a valorização profissional dos educadores.

O que mais esperar de um país golpeado pela direita burguesa que não valoriza a vida do povo trabalhador?

Diante de tamanha barbárie e covardia do estado opressor e assassino, cabe aos movimentos sociais, sindicais e populares, continuar lutando pelo "Fora Temer" e todos os corruptos do poder. Eleições diretas já e justiça no campo e na cidade.

A libertação dos oprimidos tem que ser obra dos próprios oprimidos. Vitória nenhuma cai do céu além da chuva.

A grande sementeira foi plantada em Brasília, agora deve ser cultivada em cada estado e região brasileira, para alimentar cada vez mais a luta e a resistência popular.

Fora Temer, Jatene e todos os prefeitos, vereadores, deputados e senadores, inimigos do povo!



Parauapebas: Com humildade e simpatia, prefeito surpreende no "whatsap"

O prefeito de Parauapebas, Darci Lermen, encara o "zap zap" e ainda convida o seu antecessor pra participar de inauguração de obras 




Darci no "zap zap"

As redes sociais tem sido um campo minado para os políticos, mas o prefeito de Parauapebas Darci Lermen encarou o "zap zap" e se saiu muito bem.

O prefeito também usa o Facebook pra se comunicar diretamente com a população.

Prefeito ligado 

Darci Lermen mostrou que está "ligado" nas redes sociais, surpreende os internautas, não deixa passar uma em branco, mostrando que também acompanha o que se passa nessas novas ferramentas de participação democrática, boa parte das vezes usadas por parcelas da população com uma finalidade política/partidária de apoio ou de oposição a um  governo.

O fato é que Darci tá "on line".

Usou a rede pra convidar o seu antecessor pra inauguração do Residencial Alto Bonito

O residencial Alto Bonito é uma obra do governo federal, com pequena participação municipal, iniciada no governo Valmir da Integral, agora, com o retorno de Darci à prefeitura, finalmente a obra será entregue à população.

Numa atitude mais que justa, Darci convida seu antecessor para a cerimônia de entrega das chaves.

Novo tempo

O prefeito percebe que sua nova administração está inserida num novo tempo.

Usou a rede social pra consultar 

DARCI LERMEN pediu a opinião dos internautas sobre a provável participação da prefeitura numa tradicional festa que vem sendo realizada todos os anos, quis saber se o município deve financiar e, nesse caso, como tornar o evento mais acessível à população.

Cara e uso político partidário

Nos últimos anos a FAP estava sendo muito criticada por uso político e partidário, sendo que apesar de receber recursos públicos os ingressos eram sempre muito caros.

Humildade

Darci mostra humildade e consegue a participação e sugestões dos internautas que criticam de boa fé, mostrando os erros da administração, evidente que tem uma parcela que apenas quer "picunhar", mas o prefeito tem espírito e respeita todos os seus interlocutores.

No Facebook, não é de hoje, o prefeito de Parauapebas está na ativa

Um dos vídeos do prefeito, em homenagem às mães, já teve milhares de visualizações e é um grande sucesso, certo que a sanfona não ajuda, mas o prefeito mostra sua simpatia e muita vontade de acertar o passo.


video


sexta-feira, 26 de maio de 2017

"Eldorado de Jatene": Chacina pode ter sido ato de vingança dos policiais, ou seja, crime premeditado

Policiais envolvidos na chacina de Pau 'Árco são afastados, indícios são de que houve execução por vingança - 7 vítimas eram da mesma família


REDENÇÃO, PARÁ, BRASIL, 26-05-2017: Cerimônia de enterro no cemitério de Redenção após a ação conjunta das polícias Militar e Civil do Pará que terminou com dez pessoas mortas na fazenda em Pau d'Arco (867 km ao sul de Belém), nesta quarta-feira (24). Trata-se do episódio mais violento ligado à disputa agrária em 21 anos, desde o massacre de Eldorado do Carajás, cidade na mesma região. Na ocasião, PMs mataram 19 sem-terra ligados ao MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra). Secretaria Estadual de Segurança Pública do Pará afirmou que os policiais estavam cumprindo mandados de prisão de suspeitos de terem matado um segurança da fazenda Santa Lúcia, alvo de disputa agrária, no início deste mês. Ainda de acordo com a versão oficial, eles foram recebidos à bala no local e reagiram. No acampamento, teriam sido apreendidas algumas armas de fogo. Não há informação de policiais feridos. O novo massacre ocorre em meio a uma escalada de violência ligada a disputas agrárias no Pará. Ao menos 17 pessoas morreram nas últimas semanas no Estado por esse motivo, segundo a CPT. O Pará é o Estado com mais mortes no campo, de acordo com a CPT. De 2007 a 2016, foram 103 assassinatos. Cerca de dois terços dos casos ocorreu no sudeste do Pará, palco do massacre desta quarta. (Foto: Avener Prado/Folhapress, PODER) Código do Fotógrafo: 20516 ***EXCLUSIVO FOLHA***
Leia AQUI na Folha


Massacre no Pará pode ser retaliação de policiais, diz CNDH


Foto: Comissão Pastoral da Terra



por Ciro Barros

Para Darci Frigo, entrevistado pela Pública, mortes na Santa Lúcia podem ser retaliação à morte de segurança; é a segunda maior chacina do campo brasileiro nos últimos vinte anos.

O presidente do Conselho Nacional de Direitos Humanos (CNDH), Darci Frigo, contestou a versão apresentada pela Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (Segup) do Pará sobre a morte de dez posseiros na fazenda Santa Lúcia, em de Pau D’Arco (PA), na última quarta-feira (24). “A pergunta que a gente se faz é se não foi uma ação de vingança tendo em vista a morte do segurança da fazenda há poucos dias no local”, disse Frigo em entrevista à Pública nesta quinta-feira.

Ele se refere à morte do segurança Marcos Batista Montenegro, baleado no último dia 30 de abril quando patrulhava a fazenda ocupada. Os tiros teriam sido disparados pelos posseiros. No dia da chacina, os policiais civis e militares, liderados pela Delegacia de Conflitos Agrários (Deca) de Redenção, foram à ocupação para cumprir 16 mandados de prisão e de busca e apreensão relacionados ao assassinato do segurança. Segundo a Segup, eles teriam sido recebidos a tiros pelos posseiros. Dos dez mortos, sete eram da mesma família: o casal Jane Julia de Oliveira e Antonio Pereira Milhomem, seus três filhos e dois sobrinhos.

O "ELDORADO" DE JATENE: Policiais da chacina ADULTERARAM a cena do crime, diz a OAB e o MPF

 “Não havia sequer cheiro de sangue no lugar apontado. Já vi várias cenas de crimes e isso não é normal. Especialmente em chacinas deste tipo”, diz a Procuradora Federal que visitou a "suposta" cena da chacina

OAB requer afastamento dos policiais, mas silencia sobre o JUIZ que deu a ordem e simplesmente não adotou outras medidas preventivas para evitar esse tipo de resultado.


"A cena do crime deve ser preservada, mas os policiais envolvidos na chacina, retiraram os corpos e as armas do local", questiona promotora de justiça

E o JUIZ que ordenou a reintegração de posse sem adotar outras medidas pra evitar esse tipo de desfecho

Como um juiz determina uma reintegração de posse de uma fazenda, com todo o histórico de violência no estado, mas não ordena a filmagem da ação policial, é o questionamento principal que se deve fazer ao judiciário do Pará.

Não deveria o digno magistrado, por precaução, acompanhar a ação policial, pedir a lista dos policiais e equipamentos envolvidos. Juízes, hoje no Brasil, são "proativos", mas no caso, tão ortodoxos se revelam.

Diretor de Polícia do Interior é questionado

Durante a reunião o diretor de polícia do interior, João Bosco, foi questionado sobre a retirada dos corpos e das armas antes que ocorresse uma perícia no local do crime. Para a promotora Ione Nakamura, “a cena de crime é de extrema importância para se apurar as responsabilidades e foi citado na reunião que os corpos foram retirados do local e encaminhados para o hospital. Isso vai ser apurado pelos promotores que acompanham a situação”.

Provas adulteradas

Parece ridícula a a versão apresentada pela polícia do governo Jatene, mostrando fotos de armas no chão, já em Redenção, distante mais de 60 km da cena do crime, aliás, o local do crime foi destruído completamente pelos policiais.

A OAB/PA pede o afastamento dos policiais, mas o MPPA ainda não tomou qualquer atitude.


quinta-feira, 25 de maio de 2017

Chacina de Pau d'Arco/PA - Finalmente JATENE conseguiu o seu "ELDORADO"




CHACINA DE TRABALHADOR RURAL é a marca do PSDB no Pará - 10 assassinados pelas duas polícias do governo JATENE

Reintegração de posse não foi filmada e a cena do crime foi destruída, provavelmente para dificultar as investigações dos assassinatos




Jatene e PSDB

São mais 10 assassinatos sob JATENE e seu PSDB, quantos ainda perderão suas vidas até JATENE deixar o governo do estado?

Um "ELDORADO" pra chamar de seu

O Pará governado pelo PSDB é um estado "serial killer", dez trabalhadores rurais são assassinado pela PM do estado governado por JATENE, numa outra operação desastrada, cujo resultado é sempre o mesmo, já conhecido e que deveria ser previsível para qualquer pessoa com "médio" discernimento.

No governo JATENE, quem deveria evitar é quem mata

Na conta do "ELDORADO" do JATENE são nove homens e uma mulher assassinados na manhã de ontem (24), numa ação policial de reintegração de posse na Fazenda Santa Lúcia, no município de Pau d’Arco, no sul/sudeste do Pará. 

Quem matou as 10 pessoas, a própria polícia de Jatene, cumprindo um mandado judicial de "reintegração de posse" (Leia mais aqui no BRASIL 247).

Queimaram tudo na cena do crime


Será que as pessoas assassinadas resolveram queimar a cena do crime,
antes de morrerem?



Quem teria interesse em queimar a residência onde ocorreu a chacina dos 10 trabalhadores rurais?

A destruição da cena do crime sempre, sempre mesmo, interessa a quem? 

O juiz determinou, mas não fiscalizou o cumprimento da sua ordem e nem determinou que a ação fosse filmada

Impressiona, que com todo o histórico de violência contra os trabalhadores rurais no estado do Pará, um juiz determine o cumprimento de uma reintegração de posse, mas não se digne a determinar a filmagem da ação policial, sequer se digne a acompanhá-la, apesar do episódio de ELDORADO DOS CARAJÁS ser uma memória viva em todos, que dirá numa autoridade com tamanha responsabilidade.

O Tribunal de Justiça e a sua cartilha que os magistrados ignoram

Segundo as informações, existe uma determinação do Tribunal de Justiça do Pará para que esse tipo de ação seja realizada por Batalhão da Polícia Militar especializado nestas situações, mas que não foi observado pelo órgãos da segurança pública do governador Jatene e muito menos pelo juiz responsável pela ordem de reintegração de posse.

A procuradoria federal

A Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão (PFDC), do Ministério Público Federal, pretende acompanhar as investigações do crime, informou que tomou conhecimento da chacina, entrando em contato com o procurador da República na localidade, Igor Spíndola, e com a promotora agrária do estado, Eliane Moreira, para auxiliar a articulação de ações. (Leia mais AQUI na EBC)

___________________________________

OBS.: Algumas pessoas ouvidas pelo BLOG suspeitam que a data escolhida para a desocupação judicial, mesmo dia da manifestação em Brasilia, coloca mais dúvida sobre a operação, resta saber se a referida data foi informada ao juiz responsável pela ordem de reintegração de posse.

Secretário de Mineração, Flávio Veras, assina termo de cooperação técnica com o DNPM


Flávio Veras em reunião com o Diretor Geral do DNPM 



TRFM 

Na última quinta-feira, 18 de maio, o Secretário Municipal de Mineração, Flávio Veras, esteve em Brasília, no Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM), quando pediu informações ao diretor geral do órgão, VICTOR BICCA, sobre  a TRFM, a taxa cobrada pelo governo do Pará com a finalidade de realizar a fiscalização de pesquisa e lavra das atividades minerais no estado.

Sem a fiscalização devida 
O secretário do município disse ao representante do DNPM que em Parauapebas não se constata uma efetiva fiscalização. 

Veras ressaltou que só no ano de 2016 o Estado do Pará apurou cerca de R$ 400 milhões com a TRFM, sendo que não transferiu qualquer recurso ao município, mas os danos e impactos, quase na sua totalidade, são absorvidos por Parauapebas.

Com uso indevido a TRFM

Parauapebas fica sem receber qualquer tipo de investimento por parte do governo do Estado, sendo que há denúncias na Assembleia legislativa de que parte deste recurso foi usado para pagamento de folha salarial dos servidores Públicos. 

DNPM

O Diretor Geral do DNPM mostrou ser conhecedor da situação do Município de Parauapebas, em especial desta situação que o Pará passa pela falta de Fiscalização da TRFM e de pronto abriu as portas do DNPM.

Concessões

Junto ao DNPM, Veras pautou entre outros assuntos a demora das concessões de pesquisa e lavra, o diretor geral, VICTOR BICCA, justificou que as atividades do órgão padece com um quadro bastante reduzido de funcionários no Pará, prejudicando o atendimento dos requerimentos de lavra e demais demanda.

Minerais usados na construção civil

O secretário Veras propôs a celebração de um termo de cooperação técnica entre o DNPM e o município de Parauapebas com o objetivo de possibilitar  ao município o controle, a fiscalização e a regularização das atividades de mineração que envolvam a extração de areia, seixo e brita, além da perfuração de poços e a exploração de água mineral, setores que o município tem enorme potencial, mas que estão travados devido às deficiências de pessoal e de estrutura do DNPM na região.

Seminário temático

Flávio Veras conseguiu um acordo de cooperação para a realização de um seminário no município com a temática da mineração, envolvendo a participação do DNPM e instituições estaduais e federais.

quarta-feira, 24 de maio de 2017

O Exército não tem como função constitucional a proteção de corruptos


Temer quer envolver o Exército na suruba do Jucá


Temer, Jungman e Westphalen Etchegoyen


Tudo estranho, gente estranha, "exército" estranho

Primeiro, observe o sobrenome deles, veja que nenhum tem algo parecido com o se ver pelas ruas e casas do Brasil, como um EXÉRCITO BRASILEIRO tem um general com o sobrenome de "Westphalen Etchegoyen", na cara que esse esse exército deve ser alemão ou americano.

O ministro da defesa tem o sobrenome de "Jungman".

Tudo estranho, tudo gente esquisita e gente sem voto, que o povo não gosta.

Desespero

Será que o exército brasileiros tem a função constitucional de proteger corrupto, estamos falando do "exército" e não da PM.

Somente o desespero que está vivendo seus últimos instantes para achar que será sustentado por essa gente estranha, com nome estranho.

Fora, TEMER.

Diretas, Já!

Instituto beneficente pede ajuda para crianças e idosos





Organização social

O Instituto Beneficente Amigos que Brilham (IAB) é uma organização sem fins lucrativos que desenvolve um importante trabalho social no município de Parauapebas/PA.

Fraldas descartáveis

O IAB  precisa de sua ajuda pra desenvolver sua atividades plenamente, são várias crianças e idosos atendidos pelos voluntários que trabalham na organização, hoje pedem a todos que doem FRALDAS DESCARTÁVEIS, uma pequena ajuda de muito valor.

Endereço e contato

Entregue sua ajuda na RUA C, 192 (entre as ruas 2 e 3) - Cidade Nova - Parauapebas/PA.

Contato: (94) - 9 8117 5625 

terça-feira, 23 de maio de 2017

Tião Miranda mostra sua face truculenta contra os professores de Marabá

Em mais de 100 anos de história, Marabá nunca viu tanto desrespeito e truculência - professores são agredidos na Câmara de Vereadores


TIÃO MIRANDA parte pra cima dos professores de Marabá




Para gosto do governo Tião Miranda, PM e Guarda Municipal agridem os professores na Câmara de Marabá

Imagine você, nesses temos temerosos que o país vivencia, os professores de Marabá estão vendo seus direitos serem retirados pelo atual prefeito, TIÃO MIRANDA, e sequer poderem protestar ou tentar qualquer resistência, pois o truculento prefeito tem a PM de Jatene e sua própria GUARDA MUNICIPAL pra agredirem quem ousar se opor.

Após agressão aos professores

A Câmara de Marabá, por 17 votos a 4, aprovou o desejo de TIÃO MIRANDA em prejudicar os professores do município. 

Uma conquista da educação

O PCCR, uma conquista histórica da educação de Marabá, foi morto e esquartejado, os professores foram agredidos, a cidade vai conhecendo a truculência do seu atual prefeito.

A ironia

Quanta ironia, o SINTEPP fez trincheira em favor da candidatura TIÃO MIRANDA, o seu ex-coordenador na época, WENDEL BEZERRA, no governo anterior vivia convocando greve por qualquer espirro do ex-prefeito.

Hoje, o que se comenta entre os educadores em Marabá, é que o SINTEPP parece viver sob a aba do chapéu de Tião Miranda, importantes lideranças estariam "abrigadas" no governo municipal.

Trampolim 

Para vários educadores, mais uma vez a categoria foi usada como trampolim para interesses políticos/partidários de alguns, agora a categoria paga um alto preço por isso.

A categoria culpa o SINTEPP

O sindicato está sendo muito criticado por não convocar uma greve geral imediatamente.

Na força e truculência, Tião conseguiu retirar as conquistas históricas da educação de Marabá 




GAECO prende "TONICO DOIDO", ex-prefeito de Pacajá/PA

PACAJÁ: Ex-prefeito é preso em operação que investiga desvio de verbas públicas



Ex-prefeito Tonico Doido é conduzido à delegacia por policiais do MPPA


O ex-prefeito de Pacajá, Antônio Mares Pereira, conhecido como Tonico Doido, foi preso na manhã deste sábado (20) durante operação do Ministério Público do Estado do Pará (MPPA) para cumprimento de mandado judicial de busca, apreensão e prisão. Ele é acusado de praticar diversos crimes à época em que estava à frente da gestão municipal, como desvio de bens e de recursos públicos e formação de quadrilha.


Tonico Doido foi eleito em 2012 para a prefeitura de Pacajá e deixou o cargo em dezembro de 2016. Ele já havia sido afastado do cargo pela Justiça em 2015, a pedido do MPPA, em razão de inúmeras denúncias de irregularidades no manuseio dos recursos públicos da prefeitura.

Equipe do MPPA responsável pela operação: combate à improbidade


Além de Tonico Doido, foram presos neste sábado a sua esposa, Gesilda Pereira, ex-secretária municipal, Ronaldo Santos, ex-vice-prefeito, e o ex-secretário de educação, Alex Sandro Lima, sob suspeita de práticas de crimes de improbidade administrativa. Todos foram presos em suas respectivas residências.

Ao entrar na residência do ex-prefeito para realizar a prisão e efetuar a busca e apreensão, a equipe do MPPA encontrou no imóvel vários documentos pertencentes à prefeitura municipal. “Eram tantos documentos que foram necessárias duas picapes para transportá-los e devolver à Secretaria de Administração”, disse o procurador Nelson Medrado.


Documentos apreendidos na casa do 
ex-prefeito foram devolvidos à Secretaria de Administração


As prisões foram realizadas por policiais militares do MPPA em operação coordenada pelo promotor de justiça Bruno Fernandes e pelo procurador de justiça Nelson Medrado, coordenador do Núcleo de Combate à Improbidade Administrativa do MPPA. 

Tonico Doido e os demais presos serão transferidos ainda neste final de semana para casas de detenção em Marabá e Tucuruí. 

Texto: Fernando Alves
Assessoria de Comunicação Social

segunda-feira, 22 de maio de 2017

O "ZUMBINATO" de Temer/PSDB chegou ao fim, por Bob Fernandes




O governo Temer acabou. O que ainda se move e fala são zumbis. Os que há um ano deram vida a isso aí estão divididos.


Uns pretendem manter os zumbis; ainda querem a entrega do serviço contratado. Outros, até pra escapar à contaminação, querem se livrar dos zumbis. Esse zumbinato nasceu de uma Farsa. 

O Presidente do Supremo quando das condenações no "Mensalão", Joaquim Barbosa definiu essa Farsa como "Impeachment Tabajara". Um conjunto de gambiarras para mascarar como "legal" a junção de interesses econômico-financeiros, e ressentimentos. Ressentimentos de classes e por sucessivas derrotas eleitorais.

Políticos também corruptos, obscuros e notórios "Movimentos" - que agora se escondem - instigaram e arrastaram multidões. Sempre com fundamental apoio midiático nessa Cruzada, parcial, contra a "corrupção". 

Enfim exposta amplamente a corrupção, não apenas porções selecionadas, pergunte-se: onde estão aquelas multidões e helicópteros? Onde editoriais pela queda imediata dos governantes corruptos? Temer ocupou redes de rádio e TV: onde estavam as panelas?

Por cinco anos cansamos de repetir aqui: "a corrupção político-partidária-empresarial é 'Sistêmica', envolve todos os grandes". 

Agora, à revelia de Curitiba, Joesley "Friboi" entregou: doou R$ 600 milhões para 1.829 candidatos de 28 partidos. Contaminados Ministério Público e Tribunais.

O DNA dessa corrupção estava nos dados das empreiteiras. Escolheu-se o que investigar e o que não enxergar. Escolhas com profundas, graves consequências econômicas, sociais, político-eleitorais.

Ainda sem provas conhecidas, Joesley "Friboi" entregou mega organização criminosa. Joesley, segundo sua própria delação, portava-se como gangster. E, segundo Temer, Joesley acrescentou mais um aos seus muitos bilhões, ao especular na Bolsa com os efeitos da sua explosiva delação.

Perdoado pela Justiça, Joesley mudou-se com empresas e bilhões para os EUA. 

Com citações, loas ao onipresente "mercado", seguem brados, basicamente, contra... "us puliticus". Ainda não entenderam: "us puliticus" são os serviçais, os capatazes. Vasta porção do topo do capitalismo brasileiro, o mesmo que ora patrocina, ora caça "corruptos", é a cabeça deste "Sistema" podre. 

Expostos intestinos, brandindo legalidade que estupraram, os cabeças buscam agora pilotar o futuro pós-Zumbis.

O Ministério Público contra o NEPOTISMO nos municípios paraenses

O Ministério Público tem sido vigilante na questão do NEPOTISMO, vários municípios estão recebendo recomendação expressa pra exoneração dos parentes de agentes públicos


Resultado de imagem para CAPANEMA PREFEITO
Prefeito CHICO NETO terá que exonerá parentes


CAPANEMA: Promotor recomenda que prefeito exonere parentes de agentes públicos

Em ação de combate ao nepotismo, o promotor de justiça Nadilson Portilho Gomes, titular da promotoria de Capanema, expediu recomendação para que o prefeito municipal Francisco Ferreira Freitas Neto exonere imediatamente da prefeitura todos os parentes, até o terceiro grau, de membros do Executivo municipal ou de servidores investidos em cargos de direção, chefia ou assessoramento, que ocupem cargos de provimento em comissão ou funções gratificadas em órgãos da administração direta e indireta do município.

A recomendação, expedida no último dia 19 de maio, resulta de denúncias encaminhadas ao Ministério Público do Estado do Pará. (MPPA). O promotor Nadilson Portilho determinou prazo de 10 dias para a prefeitura apresentar ao MPPA resposta escrita com a relação de todos os servidores efetivos, concursados, temporários e terceirizados do município de Capanema.

Em Parauapebas, a legenda do PSD virou um "Partido Sem Direção"

PSD ainda não se recuperou da derrota de Valmir da Integral em Parauapebas

7 meses após a derrota, Valmir está sozinho e sem rumo


Em 2014, o PSD de Parauapebas foi fundamental pra JATENE,
 hoje o partido está sem rumo e lutando pra sobreviver na cidade


Corrida de perdidos

Integrantes do PSD de Parauapebas enxergam um vazio no partido, legenda está sem nenhuma liderança em condições de ocupar o espaço deixado por Valmir da Integral na próxima eleição de “2018”, nem mesmo o atual Deputado Estadual Gesmar Rosa, que também carrega arestas e desgastes, além de constantes e fracassadas tentativas de apoio político para sua reeleição em 2018 junto ao velho cacique Jatene.

Mãos abanando

O nobre deputado Gesmar, ao tomar posse na ALEPA, “pronto pra dar o bote”, tentou empurrar seu capitão “xerife” e ex-prefeito Valmir da Integral numa secretaria. 

A indicação de uma cadeira de secretário de estado pelos relevantes trabalhos prestados em parcerias PSDB/PSD foi um fracasso. A famosa "dança de cadeiras" não aconteceu e Jatene mais um vez fez o que mais gosta de fazer, o jogo do "empurra-empurra”. 

Valmir e Gesmar voltaram pra casa de mãos abanando!

De costas e de cara torta

A base aliada comandada pelo Jatene (PSDB) distanciou-se das lideranças regionais do sul/sudeste do Pará. O senador Flexa Ribeiro e Secretários de Estado do Jatene viraram suas costas e entortam a cara quando aparece alguém do Carajás.

Só Belém

A prioridade do JATENE é e sempre foi Belém, isso tem uma razão de ser, a a capital paraense e sua região metropolitana concentra 2/3 do eleitorado, assim, JATENE suga outras regiões do estado pra drenar recursos pra BELÉM.

A prioridade é Belém

Jatene agora só quer saber do BRT (Bus Rapid Transit) Metropolitano de Belém, a obra custará dois BRTs da rica cidade de Las Vegas, nos Estados Unidos, sendo que o BRT do Jatene terá apenas 10.75 Km de extensão.

O valor de R$ 530 milhões (ou 177 milhões de dólares) corresponde a 16,5 milhões de dólares por Km, cerca de R$ 50 milhões, o dobro daquela cidade dos EUA.

Vai tudo pra Belém

A atividade mineral nos municípios sul/sudeste paraense, notadamente nos município de Parauapebas e Canaã dos Carajás, mesmo que indiretamente, termina por influenciar na receita estadual de ICMS, mas Jatene tira tudo da região, meteu a mão na cota parte do ICMS de Parauapebas, tudo pra beneficiar Belém.

Campanha cara

A campanha para governador do Pará custou cerca de 60 milhões, em 2014, segundo dados oficiais do TSE, Parauapebas, dizem, bancou boa parte dessa gastança, o GAECO, órgão do Ministério Público do Pará, aponta que a "contribuição" de Parauapebas está anotada numa agenda.

Cheque Moradia

Jatene investe os recursos arrecadados na região dos Carajás prioritariamente em Belém, até na distribuição dos cheques moradia, onde Jatene foi acusado e condenado pela justiça por abuso de poder político e econômico, coordenada pela Companhia de Habitação do Estado do Pará (COHAB), a maior parte dos beneficiários é de Belém.

Desconfiado

Jatene não confia nas lideranças dos Carajás, o sul/sudeste paraense, onde sofreu uma derrota humilhante e esmagadora nas eleições de 2014, quando seu adversário, o candidato HELDER BARBALHO, obteve expressiva votação.

Parauapebas fica com migalhas 

Enquanto isso, o nobre Deputado Gesmar luta por migalhas, tentando fazer seu mandato render algo para o povo de Parauapebas e região, conseguiu com muito penar uma URE (Unidade Regional de Ensino) em Parauapebas, existem 19 unidades da URE no estado, nenhuma em Parauapebas, apesar da promessa, a coisa ainda não saiu do papel.

Pouca coisa

Uma URE é pouca coisa, diante do que Parauapebas transfere para o estado, "mas a terra dada, não se abra a boca".

Fonte: Folha do Norte (com adaptações)