sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Parauapebas: política na esquina, notícias e boatos do dia

37% VALMIR e 23% Coutinho, isso no melhor cenário, mesmo, dizem que os números são outros, COUTINHO desanimou geral com a pesquisa "ibope" que o candidato a vereador FÁBIO SACRAMENTO comprou, com margem de erro a coisa tá feia, COUTINHO empacou///// O pior é que nem o Coutinho acredita que tenha mais de 20%, ele confidencia saber que será derrotado, acha ele que VALMIR tem mais de 45%, é o que percebe nas ruas, será? Calma Coutinho, continue lutando companheiro(rsrsrsrs)///// A tática eleitoral de "inflar" números também é usada em Marabá pelo marqueteiro carioca, Cláudio Feitosa, lá ele arranjou um "monte" de números para o João Salame, mas o fato é que TIÃO MIRANDA, melhor prefeito da história de Marabá, tá disparado e tem mais de 20% de vantagem sobre o SALAME///// Pressão sobre os contratados temporariamente  e comissionados na Secretaria de Educação, o secretário RAIMUNDO NETO estaria ameaçando os professores e servidores para votarem no vereador espírita EUZÉBIO RODRIGUES. Os diretores, vices, secretários também estariam sendo coagidos a prepararem reuniões para o espírita EUZÉBIO///// O vereador espírita EUZÉBIO tem altíssima rejeição no meio dos professores, dependendo exclusivamente dos contratados temporariamente e dos cargos comissionados da SEMED para sonhar com reeleição, sem esses votos o vereador espírita sai de cena///// Na rádio arara azul é todo mundo vermelhinho, o DEMERVAL VERMELHO, cabeludinho que só ele, já não sabe o que é programa da rádio e horário eleitoral do Coutinho, pois  é tudo uma coisa só. Parauapebas quer saber quem paga os vermelhinhos da arara azul. A rádio deveria ser exclusivamente educativa, mas tem programação de rádio "PIRATA"///// A consciência anda traindo, pois é, o COUTINHO, que passa uns dias no PT e em Parauapebas, quer convencer a cidade que um dia foi a favor do Estado dos Carajás, uma piada, quem conhece o PT sabe que o PT é contra o Estado dos Carajás, o PT é São Paulo e não deixa criar mais nenhum estado no Brasil. No PT paraense, o mensaleiro Paulo Rocha, que de fato é quem manda no PT, é contra e ponto final///// O primeiro comício do COUTINHO não tinha nem metade dos contratados temporariamente da prefeitura, eles pensam que podem "encabestrar" os servidores públicos, mas se enganam, a debandada rumo candidatura VALMIR é geral///// No comício de ontem nem os contratados temporariamente da prefeitura e nem os comissionados compareceram, o COUTINHO desanimou mais ainda, o comício só tinha formiguinha, se não pagar as formiguinhas é melhor nem sair de casa///// 
Os abusos dos "vermelhinhos" da Arara Azul, a rádio que deveria ser educativa, mas tem programação de rádio "PIRATA"
A Rádio deveria ter fins exclusivamente educativos,
 mas tem programação de rádio "pirata" e faz campanha
escancarada para o candidato do DARCI
Bel, sempre sorrindo do povo de Parauapebas, Coutinho e o
DEMERVAL VERMELHO, o 100 ou sem votos
A Rádio Arara Azul, que deveria ser educativa, transformou-se numa trincheira defensiva da roubalheira e da corrupção no governo DARCI, os "cabeludinhos", principalmente o locutor DEMERVAL "VERMELHO", que já foi candidato a vereador e teve 100 votos, continua engajado na campanha eleitoral, tá grunhindo que nem um porquinho no bolso do DARCI  e pedindo voto escancaradamente para o candidato COUTINHO, mas quando não se tem credibilidade é assim: sem votos. Não é trocadilho: 100 votos/sem votos.

Na rádio, que deveria ser educativa, mas tem programação de rádio "PIRATA",  a coisa tá cabeluda, os malinos não conseguem alavancar a candidatura Coutinho, a coisa não anda, o rapaz empacou e não consegue chegar no que a BEL tinha de intenção de votos, o candidato do PT, sem margem de erro não passa de 22%, BEL chegou a ter 27%.

Dizem que os "cabeludinhos" ganham uma grana para trabalharem para o DARCI!

quinta-feira, 30 de agosto de 2012

VALMIR DA INTEGRAL ganha do candidato do DARCI, mesmo na pesquisa do governo, com margem de erro de 5% e tudo o mais que pode ser feito
Pesquisa feita por empresa de candidato a vereador da aliança governista do DARCI dá vitória ao seu VALMIR DA INTEGRAL

Cláudio Feitosa, um carioca gente boa, é o marqueteiro do candidato do DARCI, o COUTINHO, pois o rapaz conseguiu uma pesquisa em que apesar de todo esforço seu candidato aparece assim, sendo derrotado pelo seu VALMIR na casa do governo e na pesquisa do governo DARCI:


Agora, observe que a margem de erro é de 5%, então imagine que aos 32% do seu VALMIR DA INTEGRAL se some mais 5%, totalizando 37%. Já na do Coutinho retire 5% e veja que o rapaz ficaria com apenas 23%, esses são os números que aparecem nas sondagens internas realizadas semanalmente, pelo próprio governo. Na verdade, a coisa é um pouquinho pior ainda nas ruas.

Mas para o candidato de um prefeito que tem mais de 80% de rejeição, isso ainda é muita coisa, mesmo com uma mega estrutura. O candidato do DARCI não sai de onde estava desde a aliança com a BEL, aliás, BEL sozinha tinha um percentual maior que o deles juntos.

Veja como o quadro ficaria, isso na pesquisa do próprio governo, com aquela margem de erro de 5%: 


Ou seja, 37% VALMIR e 23% Coutinho.  Mas a dúvida que assombra ao marqueteiro do candidato do DARCI é se esse seria o teto do rapaz Coutinho, ou seja, daí o candidato governista só despencaria. 

A margem de erro ajuda, mas não faz milagre! 

O fato é que o desespero tomou de conta do candidato governista e seu percentual eleitoral tem estreita relação com  compatível com o número de contratados temporários da prefeitura, um absurdo para o qual se espera uma atitude firme da justiça eleitoral. Não basta que a justiça saia correndo atrás de carro de som, 5000 temporários é algo inimaginável para uma disputa eleitoral, um abuso!

Imagine quantos desses temporários não estão trabalhando na campanha eleitoral governista? Como saber, cadê os nomes e o período em que cada um foi contratado?

segunda-feira, 27 de agosto de 2012

Saúde é a grande prioridade entre eleitores

As regiões do Pará podem apresentar realidades diferentes mas, quando o assunto são as demandas de cada município para o próximo prefeito, as prioridades elencadas pelos eleitores como as mais importantes são muito parecidas. 

Independente das especificidades da gestão municipal em Bragança, Tucuruí, Santarém, Mojuí dos Campos e Castanhal, eleitores destes municípios ouvidos pelo DIÁRIO destacam a saúdecomo a principal demanda para as eleições municipais que acontecem em outubro deste ano em todo o Brasil.

Apesar do maior apelo pela melhor gestão dos atendimentos oferecidos em postos de saúde e hospitais públicos do interior do Estado do Pará, demandas como o maior investimento em educação, em obras de infra-estrutura e no setor de transporte e o incentivo ao empreendedorismo do agronegócio também são apontadas como primordiais para a melhoria da qualidade de vida nos municípios. 

São demandas que eleitores das cidades paraenses esperam acompanhar nas propostas dos candidatos a prefeito de seus municípios.

(Diário do Pará)
____________________
Nota: em Parauapebas que a saúde já era caótica, depois de 8 anos de BEL, piorou ainda mais após 8 anos de Darci, são 16 anos de abandono. Darci ainda drenou uma fortuna a favor de uma OSCIP, agora o conselho municipal de saúde pediu a retirada dos "malinos". Ministério Público quando aparece é com um "Tic-Tac", uma vergonha!

domingo, 26 de agosto de 2012

Belém: Vox Populi aponta EDMILSON na frente, mas candidato do governador JATENE já é segundo colocado. Priante, candidato do Jáder Barbalho despenca

Edmilson aparece com 37%. Zenaldo Coutinho surge em segundo, com 15%.

O candidato Edmilson Rodrigues (PSOL) lidera a disputa pela Prefeitura de Belém com 37% das intenções de votos, de acordo com a pesquisa feita pelo instituto Vox Populi, encomendada pelo jornal O LIBERAL, e divulgada ontem. O deputado Zenaldo Coutinho (PSDB) desponta em segundo, com 15% das menções do eleitorado belenense, seguido por Priante (PMDB), com 11%. O candidato Jordy (PPS) aparece na pesquisa com 5%, enquanto o concorrente do PP, Jefferson Lima, surge com um ponto percentual abaixo. Empatados nas últimas posições, com 2%, cada um, estão Anivaldo Vale (PR) e Alfredo Costa (PT).

Ainda de acordo com a pesquisa, Leny Campelo (PPL) não atinge 1% das intenções de votos e os nomes dos candidatos Marcos Rego (PRTB) e Sérgio Pimentel (PSL) não têm nenhuma menção dos pesquisados. O percentual de eleitores que declararam intenção de votar em branco ou nulo é de 7%, enquanto 17% não sabem ou preferem não opinar. A pesquisa foi realizada entre os dias 22 e 23 de agosto, um dia após o início do horário eleitoral gratuito no rádio e na TV, com 800 eleitores da capital paraense. Ela está registrada na Justiça Eleitoral sob o número PA-00046/2012. A margem de erro é de 3,5 pontos percentuais para mais ou para menos, em um intervalo de confiança de 95%.

Na intenção de voto espontânea, sem a apresentação dos nomes dos candidatos, 30% mencionaram o nome de Edmilson Rodrigues e 10% de Zenaldo Coutinho. Na sequência citaram Priante (7%), Jordy (4%), Anivaldo Vale (2%), Jefferson Lima (2%) e Alfredo Costa (1%). Os demais candidatos foram mencionados por menos de 1% dos entrevistados. A proporção de intenção de votar em branco ou nulo é de 7% e entre os que não sabem ou preferem não opinar é de 37%.

Fonte: O Liberal

sábado, 25 de agosto de 2012

Margem de erro nas pesquisas eleitorais

Autor: Jairo Nicolau

Toda campanha é sempre tudo igual. As pesquisas começam e dou um jeito de escrever alguma coisa sobre a "margem de erro". Para manter a tradição, não custa lembrar:

1. As pesquisas por amostragem não foram inventadas para acertar um resultado "na mosca". Elas nos oferecem um intervalo no qual o dado encontrado na amostra, provavelmente, está na população. No lugar de dizer: Celso Russomanno tem 27% dos votos; o mais correto seria dizer: Russomanno está em algum lugar entre 24% e 30% (com uma margem de erro de 3 pontos percentuais).

Não imagino os locutores da TV anunciando os resultados das pesquisas assim. Talvez, confundissem mais ainda. Mas para quem acompanha e estuda as pesquisas é fundamental não cair na tentação (muito comum) de acreditar que o candidato está realmente em 27%.

2. Aprendi que pesquisas por quota - como as feitas pelos institutos brasileiros - não deveriam apresentar a margem de erro, procedimento criado apenas para pesquisas aleatórias. Há anos estou atrás da justificativa estatística para que os institutos brasileiros continuem a empregar a margem de erro. Quem puder ajudar, eu agradeço.

Para quem quiser mais detalhes, leiam o texto, que não me canso de divulgar: "A falsidade da margem de erro nas pesquisas eleitorais baseadas em quotas", escrito pelos dos estatísticos José Ferreira de Carvalho e Cristiano Ferraz.

3. Pelo fato de as pesquisas lidarem com uma estimativa que está em um amplo intervalo, é um preciosismo divulgar os dados com casas decimais. Uma pesquisa divulgada hoje, por exemplo, diz que Humberto Costa está com 31,1% das preferências e Geraldo Júlio com 22,2%. Um caso de falsa precisão.

4. Lembre-se que a margem de erro divulgada (em geral de 3 pontos) refere-se à máxima da pesquisa; ou seja, serve para o candidato com maior percentual. Na realidade, cada candidato tem uma margem de erro particular, segundo o percentual que ele obteve na pesquisa.

Em uma pesquisa probabilística (1.000 entrevistas) a margem de erro de um candidato com 32%, por exemplo, é de 2.9%. Já para um candidato com 8%, a margem de erro é de 1,7%. 

De outro modo, um candidato com 2% poderia, com uma margem de erro de 3% estar com -1%! (de fato ela é de 1.1%). 

5. Nunca diga que um candidato subiu ou desceu entre duas pesquisas sem antes observar as margens de erro. Quase sempre as mudanças estão dentro da margem. A variação acentuada de uma pesquisa não são tão frequentes. Pelo menos, não antes que a campanha comece a mobilizar os eleitores. 

6. Em resumo: veja as pesquisas, se divirta, torça para seu candidato subir... E só.

Jairo Nicolau, Professor Titular do Departamento de Ciência Politica da Universidade Federal do Rio de Janeiro.
Parauapebas, membros do PT não escondem preferência pela candidatura VALMIR 
Petistas preferem VALMIR, mas são obrigados a seguir orientação do PT.
Foto: candidato a vereador Paraiba, Valmir da Integral, Pit Bul e Tadeu. 
Já está mais que evidente que mesmo dentro do PT a candidatura VALMIR é a preferida em algumas tendências, isso tem gerado crises internas no PT e causado grandes transtornos ao candidato COUTINHO.

A candidatura COUTINHO foi uma imposição do prefeito DARCI, por isso não é bem aceita entre os petistas,  ainda mais após a estranha aliança com BEL.

A cada dia mais petistas tendem a pular do barco do DARCI, indo apoiar outras candidaturas, muitos já não escondem a preferência pelo candidato VALMIR.

sexta-feira, 24 de agosto de 2012

Candidato do DARCI, após milhões gastos e uma mega estrutura a derrota bateu à porta

Rejeição ao DARCI contamina
candidato COUTINHO
Já passou da metade da campanha eleitoral, DARCI investiu muito, tentou comprar todos, mas sua rejeição altíssima dificultou a vida do seu candidato o COUTINHO.

A candidatura VALMIR, apenas com caminhadas conseguiu uma grande aceitação,  o nome é o preferido da população, com larga vantagem. Com a intensificação da campanha essa vantagem aumenta mais ainda.

DARCI sumiu, devido a rejeição o rapaz foi "excomungado" do seu próprio ninho, todos o rejeitam, seu candidato e sua companheirada não querem nem vê-lo.

Será que DARCI viajou, quem assumiu a prefeitura: AFONSO, ZÉ ALVES? Quem?


quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Parauapebas: política na esquina, notícias e boatos do dia

A cada dia que passa a sensação no lado do candidato Coutinho, do DARCI e BEL, é a de sempre: as eleições estão perdidas, VALMIR é o que o povo quer e ponto final///// Nos bastidores, entre aliados e no próprio PT, aquilo que sempre desconfiaram agora é certo: Coutinho é o "candidato flanelinha", segura a vaga para um descabido e incerto retorno do "gauchin"///// Darci teria escolhido o rapaz para não deixar o deputado Miltom Zimmer ser candidato e nem deixar surgir outro nome no PT, como o do professor LÉO///// Nas prévias petistas ficou claro que Coutinho não empolgou ninguém, não entenderam que não é possível fazer em toda Parauapebas o que se fez no PT, ou seja, "negociar" voto a voto///// A debandada do lado do Coutinho para o seu Valmir é grande, mas é silenciosa e no PP todos os candidatos preferem não pedir votos para o candidato do DARCI///// No PSC a rebelião contra o pastor metido a político, FENELON "SOMBRINHA", vai crescendo e não é silenciosa, prejudicará o Maridé, lá é assim: todos unidos contra o candidato do "sombrinha"///// Na coligação PSC/PMDB tem gente que irá desistir, em virtude da desigualdade na disputa, só tem recursos para o MARIDÉ, ODILON e CÁSSIO FLAUSINO, o resto é resto mesmo///// Mas a apreensão sobre a indefinição da candidatura do Cássio Flausino faz a coisa ficar mais incerta ainda, será que o rapaz seguirá o mesmo caminho do ZACARIAS, em 2008, sendo assim o resultado será um fiasco, já pensaram ODILON e FENELON de fora. Oh, benção!!!///// No PMDB quem anda apreensivo é o vereador ODILON, o homem sabe que a coisa tá difícil, lá na Vila Sansão até as criancinhas, quando indagadas se conhecem o vereador, respondem assim: infelizmente///// No PT o vereador espírita, EUZÉBIO RODRIGUES, acredita mesmo é na força da grana, mas já perdeu todos os cabelos e é forte candidato a ser a CREUZA do PT///// O vereador espírita gastará "sua" grana à toa, sentirá falta, já perdeu///// O juiz eleitoral de Parauapebas, Dr. Líbio Moura, botou ordem na cidade, verdade que ainda tem candidato "alopradinho", mas que a cidade aplaude a atuação do juiz e pergunta se algum dia Parauapebas teve juiz ou esse é o primeiro, já o Ministério Público, esse tá deitado em berço esplêndido///// Que o juiz merece apoio merece, mas que os "cabeludinhos" da Arara Azul embarcaram numa onda vermelha é fato, espera-se que o juiz atue com a mesma firmeza e de ofício/////

terça-feira, 21 de agosto de 2012

O "bode" da Arara Azul e o "metrô" do candidato do DARCI - o "bode" que debocha do povo de Parauapebas 
É sério, candidato do DARCI, ex-secretário de obras, que não deu conta
nem de fazer um mercado para os agricultores, promete fazer um "metrô" - VLT
  
Você não vai acreditar, mas é verdade, o candidato do DARCI, o COUTINHO e sua vice, a ex-prefeita Bel Mesquita, estão prometendo no seu programa de governo, pasmem, um VLT, veículo leve sobre trilho, uma espécie de "metrô".

COUTINHO parece que aprendeu a fazer promessa com o prefeito DARCI, o candidato esquece que foi secretário de obras do DARCI e que não deu contas nem de tapar os buracos que tomam de conta das ruas da cidade, nem lâmpada para os sinais de trânsito eles dão conta de comprar, apesar da dinheirama que jorra nos cofres de Parauapebas. 

COUTINHO não conseguiu concluir o hospital, não conseguiu fazer um mercado municipal, da falta d'água nem se fala! Da orla, essa foi banida das promessas não cumpridas.

COUTINHO agora vem com essa de VLT, "metrô", fala sério!

Mas os "bodes" da Arara Azul e o "cabeludinho" DEMERVAL VERMELHO acreditam!? 

É um "bode"!
________________
Nota: a linha 13 do "metrô" é um túnel, no submundo da política, ligando os estúdios da Arara Azul ao gabinete do Darci

Por Leonardo Goy
BRASÍLIA, 20 Ago (Reuters) - O governo e a Vale estão "concluindo as negociações" relativas à suposta dívida de royalties de mineração da Vale, informou nesta segunda-feira o ministro de Minas e Energia Edison Lobão, aos jornalistas.
Segundo ele, um acordo com a mineradora deverá ser fechado neste mês ou no máximo até setembro.
Lobão evitou falar sobre valores, mas afirmou que a intenção do governo é chegar a uma solução que não seja prejudicial ao Tesouro Nacional e nem à Vale.
"Não queremos prejuízo da Vale, também. A Vale é uma grande empresa brasileira", disse Lobão.
O centro da disputa entre Vale e Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM), órgão ligado ao Ministério de Minas e Energia, é a base de cálculo da Compensação Financeira pela Exploração de Recursos Minerais (CFEM), royalty que incide sobre o faturamento das mineradoras.
Recentemente o DNPM reduziu o valor que considera devido pela Vale em 600 milhões de reais, ficando em 4 bilhões de reais a dívida final.
Do total requerido pelo órgão, 2,3 bilhões de reais referem-se a minério de ferro e operações no Sistema Sul da mineradora, entre 1991 e 2007. Outros 1,7 bilhão de reais tratam da cobrança de royalties sobre a produção do sistema Norte. Os números consideram correção monetária e foram atualizados em junho.
Rádio Arara Azul é "bode", mas não é educativa
Na Rádio Arara Azul, uma rádio que deveria ser educativa, todo mundo
é 13. O locutor da foto já está sendo conhecido pela alcunha de
Demerval VERMELHO, o "bodinho".
Na Arara Azul deu "bode", todo mundo é 13, tanto o é que seu locutor que antes era conhecido como  Demerval Moreno, agora tem a alcunha de Demerval VERMELHO. 

O Raimundo Cabeludo, que parece ser o chefe da Rádio em Parauapebas, até o último instante rastejava nos pés do seu VALMIR DA INTEGRAL, queria ser vice do candidato do PSD, não conseguiu, pois além de ser um forasteiro, Parauapebas não tem simpatia pelos "cabeludinhos". 

Somente depois que seu VALMIR DA INTEGRAL disse não ao forasteiro é que este soltou os "bodes" contra o seu VALMIR.

Está mais que evidente que "os cabeludinhos" da Arara Azul debandaram para o lado do prefeito DARCI e do seu candidato, passando a hostilizar a candidatura VALMIR.
__________________
Nota: a programação da Arara Azul é um "bode" na ANATEL, era pra ser educativa, mas é comercial, "grana pura", né DARCI?



segunda-feira, 20 de agosto de 2012


Tática de líderes e falta de dinheiro retardam campanha
Cientistas políticos avaliam que adiar início da disputa pode ser prejudicial
Publicado no Jornal OTEMPO em 19/08/2012

Especial para O TEMPOFERNANDA VIEGAS

O período eleitoral teve início no dia 6 de julho, mas a sensação em muitas cidades do interior do Estado é de que o processo ainda nem começou. A movimentação nas ruas é pequena, bem como a distribuição de material de campanha, os famosos santinhos.

Especialistas acreditam que a falta de recursos é um dos fatores para o ritmo desacelerado das campanhas. "Quando não tem dinheiro, todo mundo atrasa, deixa para concentrar os gastos quando os eleitores estão mais atentos no processo: no fim de agosto e em setembro", afirma Rodrigo Mendes Ribeiro, diretor da Associação Brasileira de Consultores Políticos (ABCOP) em Minas Gerais e professor de marketing político na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

Ele acrescenta que colocar a campanha na rua mais tarde não é vantajoso para os candidatos que não estão bem nas pesquisas eleitorais. "Adiar a campanha só interessa para quem já está na frente nas pesquisas", explica. Ribeiro também destaca o importante papel das propagandas eleitorais gratuitas no rádio e na TV. "É a partir delas que os eleitores percebem o início do período eleitoral".

O cientista político Rudá Ricci também não vê como positiva a estratégia de deixar para trabalhar a campanha mais próximo da data do pleito. Ele acredita que, no final, há uma "inflação de informações", tornando mais difícil para o eleitor escolher o seu candidato no grande leque de ofertas. Ricci também aponta que o atraso no movimento das campanhas, em muitos casos, visa reduzir os custos. "As campanhas são muito caras. Todas elas são milionárias", complementa.

Grande parte dos políticos que pleiteiam um cargo nessas eleições já é conhecida do público, e por isso, pode deixar para investir mais a partir do início dos programas em televisão e rádio, que é quando o processo é mais presente no dia a dia das pessoas e se torna mais acirrado. Essa é uma das causas apontadas pelo cientista político Carlos Magno Machado Dias para esse processo mais tardio.

Outros fatores, na visão dele, são a demora no lançamento das campanhas e o alto custo do processo. Carlos Magno ainda lembra que existe um processo nos bastidores: reuniões de bairros e apoio de entidades profissionais. "Você não vê campanha porque não há um derrame de material", comenta.
______________
Nota: em Parauapebas, ao contrário de outras cidades médias, a candidatura do seu VALMIR da INTEGRAL (PSD), que lidera todas as sondagens realizadas até o momento, com bastante folga, resgatou o contato pessoal, realizando caminhadas e visitando os moradores de todos os bairros da cidade. O candidato COUTINHO, por sua vez, investe numa estrutura de marketing e quer se distanciar da imagem do atual prefeito DARCI.

domingo, 19 de agosto de 2012

Rádio Arara Azul faz campanha aberta para candidato do DARCI

A candidata e o candidato do DARCI acompanhados do Demerval VERMELHO Moreno
A Rádio Arara Azul deveria ser uma rádio educativa, conforme decreto de outorga, mas não é o que se ouve.

A programação da ARARA AZUL é inadequada para uma rádio educativa, é um "bode", a outorga concedida não está sendo respeitada. Os meninos cabeludos vieram ninguém sabe da onde e pensam que estão em terra de ninguém, são alopradinhos!

Em pleno período eleitoral impressiona a sensação de impunidade que impera na rádio, a programação é tão escancarada a favor do candidato do DARCI, que tem um locutor que já está sendo apelidado de DEMERVAL "VERMELHO" Moreno: o menino cabeludo "despinguelou" de vez pelo candidato do DARCI e pronto, tá nem aí!

Mas e o juiz eleitoral que fará diante da "ondas vermelhas" da Arara Azul?

O DEMERVAL "VERMELHO", usando um bem público, o espectro de frequência, pode, mas o "Parazinho" não pode? O Parazinho foi preso e os "meninos cabeludos" fazem o que querem?

E você cidadão de Parauapebas é DEMERVAL "VERMELHO" Moreno ou é "Parazinho"? 

sexta-feira, 17 de agosto de 2012

A Rádio Arara Azul teve como relator deputado do PT, mas era pra ser educativa

A Rádio Arara Azul era pra ter uma programação educativa, mas não é isso que a população de Parauapebas está ouvindo nas suas ondas "vermelhas", sua programação pode ser tudo, menos algo EDUCATIVO, nessas eleições a coisa ficou escancarada, os "meninos cabeludos" estão em polvorosa, tentando arranjar votos para o candidato do DARCI, mas como eles não tem voto nem pra eles, DARCI entrou em mais uma furada!

Parece coincidência, mas o relator do Projeto do Decreto Legislativo que aprovou a outorga para a Rádio Arara Azul foi um ex-deputado petista. 

E o Dr. Líbio Moura, que está fazendo um grande trabalho nestas eleições, será que vai encarar o "meninos cabeludos" do Sarney?  



Parauapebas: política na esquina, notícias e boatos do dia

A rádio ARARA AZUL está completamente engajada na campanha do candidato do DARCI, nem o DARCI faz campanha tão aberta, tá mais que na hora do juiz eleitoral visitar os "meninos cabeludos", o nome é de arara mas grunhem que nem porcos, fuçam///// A rádio virou uma central de boatos, já sabendo da iminente derrota do candidato governista, os meninos cabeludos inventaram até uma pesquisa, mas nas ruas ninguém ver DARCI, COUTINHO e BEL, dizem que eles estão fazendo a única coisa que sabem: viajar///// No Conselho de Saúde,  além  das 62,5 diárias do viajado ALEX OHANA, a OSCIP BEM VIVER é assunto recorrente, mas o Ministério Público não se interessa, estranhamente, aliás. A OSCIP e a obra do hospital não incomodam ao Ministério Público do Pará em Parauapebas, não é estranho? Deviam perguntar ao DARCI, prefeito, ao ex-secretário de obras e agora candidato COUTINHO, onde eles aprenderam a fazer hospital///// O Ministério Público vai ou não vai pedir ao COUTINHO que explique a sua declaração de bens, o candidato foi embora de Parauapebas, retornou ontem e progrediu na vida rapidinho///// O palácio do DARCI ficou prontinho, embora ele nem fique muito por lá, mas o hospital municipal, esse parece que nunca ficará pronto, por dentro as imagens indicam que a obra pode ser tudo, menos um hospital, tão quebrando por dentro e pintando por fora, o prejuízo para o município é visível, mas o Ministério Público não enxerga, não faz nada e a lambança continua///// No PT a disputa é para saber quem ganhará o troféu "CREUZA 2012", o vereador espírita EUZÉBIO está na frente, mas o Raimundo Vasconcelos diz que pode ganhar a parada, apesar do vereador WOLNER reclamar e dizer que o PT quer ganhar tudo sozinho, mas a "CREUZA 2012" é ele e não tem pra ninguém///// 
Gravação feita por eleitor sobre tentativa de compra de voto é prova ilícita

                    Ministro Marco Aurélio em sessão do TSE. Brasília-DF  16/08/2012.     Foto:Carlos Humberto./ASICS/TSE
                                                  Ministro Marco Aurélio, relator do processo

Por quatro votos a três, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) considerou ilícita a gravação ambiente feita sem o conhecimento dos interlocutores. Acompanhando o voto do relator, ministro Marco Aurélio, a Corte manteve decisão do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA), que havia rejeitado a referida gravação como meio de prova e mantido o diploma de Délcio Mascarenhas de Almeida Filho, eleito vereador de Santo Antônio de Jesus-BA, nas eleições de 2008.

Segundo o voto do relator, a gravação ambiente submete-se à regra da inviolabilidade dos dados, sendo que o afastamento da proteção não pressupõe gravações escondidas ou dissimuladas por um dos interlocutores, mas sim decorrentes de ordem judicial e sempre vinculadas a investigação criminal ou a instrução processual penal.

Para o ministro Marco Aurélio, a questão ganha ainda mais relevo quando se trata de processo eleitoral, onde as disputas são acirradas, prevalecendo, muitas vezes, reações passionais. “Penso que na situação em exame houve violação ao direito da intimidade, não se devendo admitir a prova como lícita”, afirmou em seu voto.

O ministro ressaltou, ainda, que se constitui verdadeiro paradoxo reconhecer como válida gravação ambiente feita sem o conhecimento dos interlocutores, tendo em conta admitir-se tal prova somente quando autorizada pelo Poder Judiciário.

A ação de impuganção de mandato eletivo contra Délcio Mascarenhas de Almeida Filho foi promovida pela coligação “Com a Força do Povo” e pelo PMDB municipal, por suposta captação ilicita de sufrágio ou compra de votos. Segundo os autos, o eleitor Israel Nunes dos Santos teria gravado, clandestinamente, utilizando um telefone celular, um suposto oferecimento de dinheiro por seu voto e de sua família.

Os ministros Dias Toffoli, Gilson Dipp e Luciana Lóssio acompanharam o relator. Já os ministros Arnaldo Versiani e Nancy Andrighi divergiram do relator e consideraram a gravação uma prova lícita e, no mesmo sentido, votou a presidente do TSE, ministra Cármen Lúcia Antunes Rocha.

Fonte: TSE

quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Alternância de poder e mensalão enfraquece PT nas capitais, grandes e médias cidades

Nas capitais a regra é a alternância do poder, que se observa também nas grandes e médias cidades, caso de Parauapebas, onde o candidato da oposição, VALMIR DA INTEGRAL(PSD), lidera com grande vantagem todas as sondagens (pesquisas) já realizadas no município.

Em Parauapebas essas sondagens indicam que o atual governo do DARCI não conseguirá fazer seu sucessor, o Coutinho, ainda mais quando resolveram fazer uma aliança com o PMDB, onde juntos somam 16 anos de governo, culminando com uma rejeição ao atual prefeito DARCI de mais de 86%.

Parauapebas segue a tendência dessas cidades e se as eleições fossem hoje, apenas nas capitais destacadas em azul haveria manutenção do partido que atualmente está no poder. São seis capitais, num total de 23. Com a entrada da propaganda eleitoral na televisão, é bem possível que estas posições se alterem. Mas é significativo como a alternância parece ser a tônica em todas regiões do país, com exceção da sudeste.

Destaca-se, ainda, a vantagem do PSDB, liderando as pesquisas em seis capitais, exatamente o número que o PT governa, hoje (cairia para duas capitais, se as eleições fossem hoje). DEM ressurgiria em três capitais nordestinas.

Com informações do Blog do Rudá Ricci (leia aqui)
"ARARA VERMELHA" escancara campanha a favor do candidato do DARCI

A Rádio é Arara Azul, mas a programação é vermelha

A Rádio é azul, mas só no nome, a programação é vermelha.

A Rádio "ARARA VERMELHA" tá grunhindo no bolso do DARCI.

No início a Rádio até teve uma boa iniciativa ao realizar entrevistas com os candidatos, mas logo ficou claro  que queria privilegiar o candidato do DARCI, não sorteou a ordem das entrevistas e deixou o candidato do DARCI por último.

Hoje a ARARA é vermelha, está claro para o povo de Parauapebas que não passa de uma central de boatos do DARCI, nada nada educativa.

Como são todos forasteiros, o povo da Arara "Vermelha" não gosta de Parauapebas, os meninos cabeludos assumiram de vez a campanha midiática do candidato do DARCI, a afinidade é total, todos chegaram ontem na cidade, parecem que vieram no mesmo avião do Coutinho e agora tão  juntinhos desde sempre.

A programação da "ARARA VERMELHA" tá cabeluda! 

Tá na hora do Dr. Líbio Moura se ligar na educativa "ARARA VERMELHA", aliás, se tratando de uma rádio educativa, que dizer das piratas!?

segunda-feira, 13 de agosto de 2012

SANTARÉM: MP emite recomendação relacionada à propaganda eleitoral

Em Santarém, o Ministério Público do Estado que atua na 20ª zona eleitoral, emitiu recomendação por meio do promotor de justiça Tulio Chaves Novaes, relacionada ao cumprimento das regras de propaganda para as eleições 2012. A recomendação é voltada a todos os partidos e coligações dos municípios de Santarém e Mojui dos Campos.

O MP considera , dentre outros, a necessidade de resguardar a vontade genuína do eleitor e sua liberdade de escolha, e o respeito à paz e ao sossego público, a segurança social e ao bem estar da coletividade em geral.

A promotoria recomenda aos partidos, coligações e candidatos o cumprimento de todas as regras e exigências estabelecidas pela legislação eleitoral. O desrespeito poderá acarretar aos infratores as penalidades civis, criminais, administrativas e políticas, além de multas estabelecidas pela justiça eleitoral.

De acordo com a legislação, é totalmente vedada a propaganda eleitoral em bens públicos como postes, viadutos, passarelas, pontes, paradas de ônibus, praças, jardins, calçadas, etc, e nos bens de uso comum, ainda que de propriedade privada, como cinemas, clubes, lojas, centros comerciais, templos, ginásios, estádios e outros.

Nos bens particulares, é vedada a veiculação de placas, faixas ou pinturas que excedam a 4 metros quadrados. É vedado o uso de outdoor ou outro de efeito visual similar.

Com relação à propaganda sonora com uso de amplificadores e alto-falantes, não deve ser realizada em horários fora do intervalo entre 8h e 22h, e em distância inferior a 200 metros, das sedes de órgãos públicos, militares, hospitais, igrejas e escolas. É vedada a propaganda sonora que exceda o nível de volume legalmente permitido.

É vedada a realização de comício ou utilização de aparelhagem de sonorização fixa que exceda o intervalo entre 8h e 24h. Também são vedados: “showmícios”, apresentação de artistas remunerados ou não, trios elétricos (exceto nos comícios), distribuição de camisetas, bonés, canetas, cestas básicas ou qualquer objeto que proporcione vantagem ao eleitor.

Na propaganda não é permitida a utilização de símbolos, frases ou imagens associadas ou semelhantes às empregadas por órgãos de governos, empresas públicas ou sociedades de economia mista, bem como o uso de imagem ou som que ridicularize ou ofenda a honra de candidatos.

Os candidatos devem abster-se de promover aglomerações como passeatas ou carreatas, ou uso de propaganda sonora repetitiva que possam causar aborrecimento ao cidadão ou comprometer o descanso e lazer comunitários em locais de grande circulação pública, como a orla da cidade, o centro comercial, considerando o dia da semana.

A recomendação foi enviada a todos os presidentes de partidos, coligações e siglas da região de Santarém e Mojui dos Campos, à prefeita do município, ao presidente da Câmara de Vereadores, à Juíza Eleitoral, ao chefe do cartório da 20ª zona eleitoral, e divulgada na imprensa local.

Texto: Lila Bemerguy, de Santarém
Parauapebas: política na esquina, notícias e boatos do dia

A rádio ARARA AZUL está completamente engajada na campanha do candidato do DARCI, nem o DARCI faz campanha tão aberta, tá mais que na hora do juiz eleitoral visitar os "meninos cabeludos", o nome é de arara mas grunhem que nem porcos, fuçam///// A rádio virou uma central de boatos, já sabendo da iminente derrota do candidato governista, os meninos cabeludos inventaram até uma pesquisa, mas nas ruas ninguém ver DARCI, COUTINHO e BEL, dizem que eles estão fazendo a única coisa que sabem: viajar///// No Conselho de Saúde,  além  das 62,5 diárias do viajado ALEX OHANA, a OSCIP BEM VIVER é assunto recorrente, mas o Ministério Público não se interessa, estranhamente, aliás. A OSCIP e a obra do hospital não incomodam ao Ministério Público do Pará em Parauapebas, não é estranho? Deviam perguntar ao DARCI, prefeito, ao ex-secretário de obras e agora candidato COUTINHO, onde eles aprenderam a fazer hospital///// O Ministério Público vai ou não vai pedir ao COUTINHO que explique a sua declaração de bens, o candidato foi embora de Parauapebas, retornou ontem e progrediu na vida rapidinho///// O palácio do DARCI ficou prontinho, embora ele nem fique muito por lá, mas o hospital municipal, esse parece que nunca ficará pronto, por dentro as imagens indicam que a obra pode ser tudo, menos um hospital, tão quebrando por dentro e pintando por fora, o prejuízo para o município é visível, mas o Ministério Público não enxerga, não faz nada e a lambança continua///// No PT a disputa é para saber quem ganhará o troféu "CREUZA 2012", o vereador espírita EUZÉBIO está na frente, mas o Raimundo Vasconcelos diz que pode ganhar a parada, apesar do vereador WOLNER reclamar e dizer que o PT quer tudo pra ele, pois a "CREUZA 2012" é ele e não tem pra ninguém///// 

sábado, 11 de agosto de 2012

Ministério Público do Pará, em Parauapebas, não investiga indícios de improbidade no governo DARCI LERMEN
Indícios de improbidade no governo DARCI 
pode ter causado milhões de reais de prejuízo ao
erário de Parauapebas, mesmo assim o Ministério
Público não investiga prefeito e auxiliares

Em Parauapebas causa espécie a inércia dos promotores de justiça quando o assunto é os indícios de improbidade administrativa no governo DARCI LERMEN, são inúmeros fatos que toda a cidade tem conhecimento, maior parte com informações no próprio PORTAL DA TRANSPARÊNCIA, mesmo assim a cidadania em Parauapebas, até o momento, não contou com qualquer ação do Ministério Público para coibir tais práticas.

São inúmeros fatos, evidente que o mais escandaloso é o caso PAZINATO, um escândalo nacional, mas o Ministério Público não age, paralisia total, diante de uma bagatela de R$ 160 MILHÕES, o Ministério Público não percebe nenhuma imoralidade e lesividade aos cofres de Parauapebas.

Nessa semana o caso das diárias do secretário de saúde veio à tona, o rapaz ALEX OHANA, um viajado, que nos primeiros 5 meses de 2012 passou mais de 2 meses viajando, recebendo diárias dos cofres públicos, sem prestar contas à sociedade de Parauapebas é o retrato do governo municipal.

Também, ninguém sabe quem custeia as viagens do prefeito DARCI LERMEN, suas diárias não aparecem no Portal da Transparência, não se sabe se as suas ausências do município são comunicadas à Câmara de Vereadores, muito menos quem respondeu pela chefia do executivo na ausência do prefeito, foi o Dr. AFONSO ou foi o MARGALHO, quem? Ministério Público tem que buscar esclarecer ao cidadão de Parauapebas tal situação.

A obra inacabada, eleitoreira, do Hospital Municipal é outro escândalo que o Ministério tem vista privilegiada, mas nada faz.  Basta que qualquer dos seus promotores abram as janelas de suas salas ou saiam dos seus "ar-condicionados" dos seus gabinetes e andem 20 metros que avistariam, nesses últimos 6 anos de obra inacabada, esse escandaloso exemplo de ineficiência, mas nem isso. O monumento à ineficiência está erguido a poucos metros da sede do Ministério Público, mas não basta e nada é feito.

A inércia desse importante órgão fiscalizador em Parauapebas resulta numa espécie de blindagem para o prefeito DARCI LERMEN, algo inaceitável.

O Ministério Público em Parauapebas precisa ser mais atuante e investigar os indícios de improbidade do governo DARCI LERMEN.

sexta-feira, 10 de agosto de 2012

As viagens do prefeito DARCI, portal da transparência omite informações 
DARCI: quem paga as viagens do prefeito,
não pode ser o PAZINATO?
No Portal não tem diárias pagas ao prefeito DARCI,
mas que o rapaz é um "viajado", isso é!
Que o Secretário de Saúde de Parauapebas é um "viajado" ninguém tem dúvidas, afinal o rapaz passou mais de 2 meses de 2012, em 5, recebendo diárias dos cofres públicos de Parauapebas, mas e o prefeito DARCI: viaja ou não viaja?

Pois é, para espanto geral, no PORTAL DA TRANSPARÊNCIA não consta qualquer informação das viagens de DARCI LERMEN, um absurdo, pois todos sabem, é público e notório, que o prefeito também é um "viajado", gosta de um avião, então, se não consta nenhuma despesa das viagens do DARCI é que ele abriu mão de suas diárias. Alguém está pagando suas viagens, ou será que o prefeito está poupando recursos do erário municipal e pagando do próprio bolso, difícil, né?

A situação é mais grave do que podemos imaginar, pois qualquer ausência do prefeito do município tem que ser oficializada e comunicada à Câmara, com certeza DARCI e seu bagunçado desgoverno nunca fizeram isso e nem os vereadores municipais fiscalizaram essa prática não republicana do alcaide de Parauapebas.

A ausência do município sem autorização da Câmara, quando superior a 15 dias, pode ensejar a perda do mandato, diz a Lei Orgânica Municipal e a Constituição do Pará, mas quem fiscaliza?

E o Ministério Público, bem que poderia requisitar as informações sobre as ausências do prefeito DARCI de Parauapebas, pois só se for o Ministério Público e a Câmara Municipal para acreditarem que DARCI não fez uma viagem sequer em 2012?

E nas viagens do DARCI quem responde pela prefeitura de Parauapebas, seria o MARGALHO ou o Dr. AFONSO, quem?  O vice prefeito não assume, será?

E o Ministério Público tem interesse em esclarecer quem "banca" as viagens de DARCI LERMEN, não pode ser o PAZINATO!?

Tem mais coisas graves sobre as viagens do prefeito, muito mais, não é Ministério Público?

quinta-feira, 9 de agosto de 2012

Alex Ohana, Secretário de Saúde de Parauapebas: em 5 meses, 2 meses de diárias. Resultado, saúde em colapso
As viagens do ALEX PAMPLONA OHANA
Nos primeiros  5 meses de 2012 o Secretário de Saúde, Alex Ohana, passou mais de 2 meses recebendo diárias dos cofres públicos. Foram 62,5 diárias. Um secretário "viajado" é o retrato de uma secretaria sem gestão e colapsada, em estado terminal.
 
 
O rapaz ALEX OHANA é uma indicação do secretário HERNANDES MARGALHO.
 
 
Evidente que o Ministério Público do Pará, em Parauapebas, irá pedir a comprovação de todas essas viagens a "trabalho" do chefe da saúde em Parauapebas, pois enquanto o rapaz viaja a saúde é um caos.
 
 
O absurdo é que nesses 5 meses são 62,5 dias ausente do município, descontando os sábados, domingos, feriados e recessos, pode-se dizer que Parauapebas ficou sem secretário de saúde por mais de 70% dos dias úteis.
Alex Pamplona e Coutinho mostrando a reforma da UBS do bairro Novo Brasil que será entregue este mês
Alex Pamplona, o viajante, e Coutinho, o candidato do DARCI

O mínimo que se espera do Ministério Público é que o órgão exija do senhor ALEX OHANA a comprovação das viagens realizadas, através de passagens aéreas, estadias nas localidades, gastos com hotéis, táxis, relatórios dos eventos...
 
 
ALEX OHANA é um dos rapazes da campanha do candidato do DARCI, o Coutinho.

quarta-feira, 8 de agosto de 2012

Notícias do "front" do candidato governista indicam que o diagnóstico é: quanto mais campanha faz, mais a rejeição aumenta!
Margalho teria aconselhado o DARCI a não apoiar 
mais o Coutinho, o motivo seria que a rejeição 
do eleitorado teria aumentado. Será?


DARCI , aconselhado pelo MARGALHO, estaria jogando a toalha, pois sondagens internas e não publicáveis, não confiáveis, indicam que quanto mais campanha o candidato do DARCI realiza mais ele despenca na preferência do eleitor. A população de Parauapebas já teria decidido que não quer mais do que já viu nesses últimos 16 anos, seria a conclusão dos "especialistas em marketing eleitoral" contratados pelo DARCI.


MARGALHO teria aconselhado ao prefeito que não vale a pena, pois além da rejeição aumentar, tanto COUTINHO quanto BEL não querem aparecer com o DARCI, desse modo, o sonho do prefeito DARCI de ser deputado estadual ficaria impossível, pois sem aparecer na campanha de 2012, em 2014 estaria quase esquecido pela população ou, pior ainda, seria lembrado apenas como o pior prefeito que Parauapebas já teve.

Outro fato que incomoda é que COUTINHO também não consegue aparecer, BEL tomou de conta, isso estaria incomodando os petistas, os mais novinhos pensam que BEL é petista desde criancinha e que Coutinho é que é o recém chegado no partido.

A população quer saber o motivo da campanha governista, dos candidatos do DARCI, o Coutinho e a BEL, ter dinheiro para tudo, uma mega estrutura, mas não querem saber de fazer pesquisa registrada, qual será o motivo?

Lá pelas de bandas de Marabá, dizem, tem um empresário que todo semana faz uma pesquisa em Parauapebas, mas o DARCI não deixa publicar, qual será o motivo?

Que a rejeição do DARCI é grande, todo mundo sabe, não é segredo, até os candidatos dele rejeitam ele, imagine o povo, mas qual o motivo dele não publicar as pesquisas!?

O diagnóstico é: quanto mais campanha do candidato governista, maior a rejeição? Será verdade?

Parece que o povo já decidiu? Será que o DARCI já sabe e por isso tá querendo pular fora?



terça-feira, 7 de agosto de 2012

JUSTIÇA ELEITORAL ATUANDO E PROTEGENDO A CIDADANIA EM PARAUAPEBAS

Que ninguém duvide, Parauapebas tem AUTORIDADE, com letras maiúsculas, quem exagerou na dose, fazendo campanha a qualquer custo, sabe-se lá na conta de quem, terá sua candidatura "pendurada", ficará na corda bamba!

A lei exige eleições justas, o atual juiz eleitoral já deixou claro que não fará por menos e que fará a lei ser cumprida, evidente que os cidadãos e todas as pessoas de bem em Parauapebas só tem a agradecer.

Pois bem, folheando um "jornal importante" na cidade encontra-se uma "matéria jornalística" que é um primor, numa página inteira,  trata-se cobertura de um evento da candidatura do vereador ODILON, claro, com a presença do candidato  do DARCI, o COUTINHO.

São fotos de encher a página, além de noticiar que no Colégio Fênix ocorreu uma reunião da campanha do vereador ODILON, ainda coloca a data da próxima reunião.

Reunião de vereador com seus colaboradores ocorre todo dia, não chega a ser uma notícia de interesse da comunidade, talvez mereça destaque o fato das reuniões ocorrerem nas instalações de um colégio, apenas isso!

Como se vê, talvez ainda tem candidato que duvida da seriedade da justiça eleitoral de Parauapebas, vai pagar pra ver!?
Parauapebas: política na esquina, notícias e boatos do dia

A mais nova candidatura a ter problemas e que poderá tirar o time de campo é a de CÁSSIO FLAUSINO, parece que a justiça eleitoral lhe negou registro, o PMDB poderá sentir falta, muita falta///// Sem CÁSSIO FLAUSINO o pastor FENELON poderá nadar muito e morrer na praia, a vaga do MARIDÉ fica no fio da navalha, afinal PMDB e PSC estão juntos e juntinhos///// No reino da Assembléia de Deus ninguém contesta a liderança religiosa que é o pastor FENELON, mas quando o assunto é política, cada dia que passa, fica evidente que o pastor não é uma unanimidade///// O candidato do FENELON, o preferido MARIDÉ, sabem bem que pode ficar de fora, de novo///// Dizem que BEL ensinou ao DARCI como fazer carreata, só esqueceu de dizer ao prefeito que carreata não ganha eleição, fosse assim BEL seria prefeita, em 2008 a então "inimiga" do PT nem teve tanto voto, tanto foi assim que ela foi derrotada, mas em matéria de carreata a candidata BEL era imbatível///// Dizem que a quantidade de carros na carreata da BEL com adesivos do vereador MIQUINHAS era de fazer inveja para qualquer SEM TERRA, mas não para ARENES, JOELMA e BRUNO, esses não deixaram por menos///// RAIMUNDO VASCONCELOS quer saber quem tirou o nome dele da lista de filiados do PT. O vereador que levou um duro golpe, por trás, deveria denunciar o fato ao Ministério Público ou será que o vereador acha que não tem tempo a perder///// Será que na lista do PT teria algum nome de candidato que tá lista e não tem filiação, será?///// O marqueteiro do PT, CLÁUDIO FEITOSA, o carioca, vendeu o peixe direitinho, o rapaz virou uma espécie de VALDEMIRO SANTIAGO do PT, verdade, ele prometeu ressuscitar candidatura morta, isso deixou o vereador espírita, EUZÉBIO RODRIGUES, animadinho///// Acreditem, CLÁUDIO FEITOSA, que é do PPS, diz que o PT fará cinco vereadores, mas, talvez, o marqueteiro tenha pensado em 5 vereadores no sul e sudeste do Pará e não apenas em Parauapebas, sendo assim faz sentido///// Duas vagas diretas e uma na média é o que o PT terá, isso se tudo der certo mesmo, mas só se tudo der certo,  aposta feita///// A JUSTIÇA ELEITORAL tá de parabéns, pela primeira vez na história de Parauapebas pode-se dizer que esse órgão existe mesmo, mas já o Ministério Público, esse tá na paz.  por falar em PAZ e o PAZINATO? Até quando Parauapebas vai ter que esperar o Ministério Público fazer alguma coisa?

domingo, 5 de agosto de 2012

Prefeito que contratou por apenas 1% perdeu a função pública, teve suspenso os direitos políticos por cinco anos, mas foi em São Paulo. Em Parauapebas DARCI quer pagar 20% para o PAZINATO  
Darci sob olhar do Candidato Coutinho, será que vão pagar o
Pazinato, ou já pagaram? E o Ministério Público acha 20%
proporcional, razoável, sério?
Em São Paulo considerou-se imoral e lesivo ao erário contrato que o prefeito de São Carlos pactuou com uma consultoria jurídica/tributária "tipo PAZINATO", mas lá era de apenas 1%, em Parauapebas DARCI quer pagar 20%, claro que DARCI depois dessa deve ir embora de Parauapebas, provavelmente para uma praia no nordeste brasileiro.

Pois bem, lá o contrato foi considerado nulo e sua cláusula de remuneração de apenas 1% foi reputada contrária ao princípio da moralidade administrativa e lesiva ao interesse público, isso em ação civil pública impetrada pelo Ministério Público, isso mesmo, Ministério Público de lá achou 1% lesivo e contrário ao interesse público, já em Parauapebas, bom, por aqui uma cláusula de 20% os promotores ainda tem dúvidas e o Tribunal de Contas do Jáder Barbalho não tem dúvida nenhuma e considera legal, enquanto isso Parauapebas não ver nenhum centavo da CFEM, crianças estudam em "casas alugadas", falta água todo dia e saneamento é luxo!
Lá em São Carlos-SP foi dito na sentença e no acórdão: "a) sobre a cláusula - Não há, pois, como subsistir o dispositivo em testilha, extremamente lesivo ao erário e claramente ofensivo não apenas ao escopo do ajuste como também aos princípios da proporcionalidade, da razoabilidade e da moralidade administrativa; e b) sobre o prefeito - Este violou dois deveres fundamentais aos agentes públicos: honestidade e eficiência funcional mínima. (...) A conduta do alcaide, nessa senda, se amolda como luva ao tipo constante do art. 10, XII, da Lei Federal nº 8.429/92, ao menos em termos materiais, vez que permitiu o enriquecimento ilícito da pessoa jurídica de direito privado, concorrendo para tanto ao estipular a cláusula contratual abusiva".


Lá o prefeito e o "tipo PAZINATO" terão que devolver aos cofres públicos o que receberam abusivamente, além de multa equivalente ao dobro do recebido. O "tipo PAZINATO" de lá ainda vai ficar um bom tempo sem poder contratar com a administração pública.

Lá era 1%, aqui 20%.
__________________________
Nota: o contrato que o prefeito DARCI pactuou com o PAZINATO de Camboriú-SC pode drenar dos cofres públicos de Parauapebas mais de R$ 160 milhões para o PAZINATO, apenas na conta da CFEM. O Ministério Público nada diz aos cidadãos de Parauapebas?

sexta-feira, 3 de agosto de 2012

A "americanização" da política (e campanha eleitoral) brasileira

Recentemente, li dados sobre as eleições passadas (2008) nos municípios paulistas que indicam que 63% (se retirarmos os que estavam impedidos de se reelegerem) dos prefeitos eleitos buscavam a reeleição. Um índice alto de reeleição. O que demonstra que o peso do cargo é muito forte na política nacional. E como os gastos de campanha estão em alta, fica mais difícil alguém tentar eleição sem lastro.

Hoje, recebi dados enviados pelo jornalista Macloys Aquino, do jornal O Popular (Goiás) que corroboram esta percepção. Segundo o TSE, as quatros profissões mais declaradas pelos candidatos a prefeito, vice e vereador em Goiás são: comerciante (1.721 candidatos), servidor municipal (1.548), dona de casa (1.152) e vereador (1.099). 

Explico o que denomino de modelo americanizado: o modelo americano é de alta profissionalização da política. Envolve uma entourage, composta por marketeiros, organizadores, operadores políticos, equipe de agenda, de imagem (treino de imagem), cabos eleitorais, pesquisa, técnicos de diagnóstico e planejamento, gerentes de execução de campanha. Acarreta um distanciamento maior do cidadão em relação à prática política. Assim, o custo da ação política (e de uma campanha eleitoral) fica mais alto a cada eleição e o controle sobre os políticos, mais distante.

Como profissão, a política vai girando ao redor de si mesma e a reeleição se torna parte desta lógica.
__________
Nota: vereador é profissão? Nos pequenos municípios também tem-se um custo elevado, numa regra simples, uma campanha competitiva é praticamente o equivalente a um mês de arrecadação do município. Em Parauapebas, apesar dos valores declarados oficialmente, todos sabem que tem campanha que essas despesas são mera ficção.