domingo, 31 de agosto de 2014

Ministério Público Federal cumpre seu dever, em Parauapebas visitas e sorrisos

Prefeito de Capanema é processado pelo MPF


Ministério Público Federal (MPF) entrou com ação contra o prefeito e três ex-secretários de saúde de Capanema, no nordeste paraense, por atos de improbidade administrativa ocorridos em 2009. As irregularidades foram apuradas e constatadas pelo Departamento Nacional de Auditoria do Sistema Único de Saúde (Denasus) em março deste ano.

Os atos de improbidade envolvem a dispensa indevida de licitações para a compra de medicamentos da assistência farmacêutica básica, de medicamentos de uso controlado e de materiais odontológicos. Eslon Aguiar Martins, atual prefeito de Capanema, e José Filho, Edmilson Bezerra e José Melo, ex-secretários municipais de Saúde, também são acusados pelas irregularidades apontadas pelo Denasus.

O procurador da República Bruno Soares Valente pediu que a Justiça Federal suspenda os direitos políticos dos réus por oito anos e exija o ressarcimento integral dos danos causados ao município, com os acréscimos legais, no valor de R$ 523,7 mil.

Fonte: DOL
____________________________
Nota: o atual governo de Parauapebas já torrou mais de R$ 300 milhões sem licitação, mas tem membro do Ministério Público do Pará que ainda vê motivos para largos sorrisos!

Chico das Cortinas renuncia a sua candidatura, segundo TRE-PA


Veja a decisão que se encontra publicada na página do Tribunal Regional Eleitoral do Pará (TRE-PA)

_____________________________________________________________

07/08/2014 às
09:25
Distribuição por prevenção (Rcand Nº 735-49.2014.6.14.0000)    RAIMUNDO HOLANDA REIS          DRAP

Despacho
Decisão Monocrática em 26/08/2014 - RCAND Nº 129758 DESEMBARGADORA CÉLIA REGINA DE LIMA PINHEIRO

Publicado em 27/08/2014 no Diário da Justiça Eletrônico, nº 156, página 4

DECISÃO


Trata-se de Requerimento de Registro de Candidatura - RRC apresentado pela COLIGAÇÃO "UNIÃO PELO POVO DO PARÁ (PR/PHS/PROS)" , por meio do qual pleiteia, nos termos da Resolução TSE n.º 23.405/2014, o registro de candidatura de FRANCISCO ALVES DE SOUZA, ao cargo de Deputado Estadual - N.º 31999.

Juntou os documentos de fls. 03/11.

À fl. 32, o candidato protocolizou pedido de renúncia à sua candidatura.

Acerca do pedido de renúncia, o §8º do art. 61, da Resolução TSE n.º 23.405/2014 determina que tal ato, datado e assinado, deverá ser expresso em documento com firma reconhecida por tabelião ou por duas testemunhas.

Compulsando os autos (fl. 27), verifica-se que o pedido atende aos requisitos insculpidos na norma citada.

Ante o exposto, homologo o pedido de renúncia formulado por FRANCISCO ALVES DE SOUZA.

Cientifique-se a Coligação "UNIÃO PELO POVO DO PARÁ (PR/PHS/PROS)".

Belém, 26 de agosto de 2014.

Desembargadora CÉLIA REGINA DE LIMA PINHEIRO
______________________________________________________________

Até em pesquisa do "Liberal", Helder empata com Jatene

Instituto Sensus, de Minas Gerais, acusado de beneficiar o PSDB, contratado pelo Liberal, aponta empate técnico entre Jatene e Helder, margem de erro de 3,1% 



Margem de erro pode apontar vitória para Helder (PMDB), no primeiro turno

O Jornal Liberal consegue um empate técnico na disputa para o governo do Pará. Jatene tem 37,9% e Helder 36,9%, no primeiro turno. Com a margem de erro Helder pode ter 40% e Jatene 34,8%.

2° turno, com margem de erro

No segundo turno, o cenário do suspeito Sensus também aponta empate técnico, sendo 40,5% para um e 38,8% para o outro.

A pesquisa tem margem erro de 3,1%, considerando suas possibilidades e o tempo que ficou escondida, ainda o incansável desespero dos "maioranas" em beneficiar Jatene, nos parece que o resultado mais provável do Sensus seria esse:



No suspeito Sensus, ou seja, na pesquisa que passou 4 dias escondida, deveria ter sido divulgada na data de 27/08 e somente hoje aparece, dia 31 de agosto, os números apresentados merecem uma certa reserva.

Para o senado, Paulo Rocha (PT) abre vantagem

Para o Senado, Paulo Rocha (PT) lidera com 14,9%, seguido de Mário Couto (PSDB), com 11,5%. 

Justiça Eleitoral cassa candidato de Parauapebas


Cláudio Almeida sofre mais uma derrota na justiça eleitoral, candidatura está inviabilizada, embora tenha sido uma decisão monocrática, cabendo recurso para o plenário do TSE, o fato é que a candidatura de Claudio Almeida recebe uma "pá de cal".

Alerta

A derrota de Cláudio Almeida é um alerta para os demais candidatos de Parauapebas, outros ainda ficarão pelo caminho. 

Advogado do prefeito

Cumpre notar, Cláudio Almeida teve como advogado o Dr. Márcio Augusto Lisboa dos Santos Júnior, que também vem a ser advogado do prefeito de Parauapebas, Valmir da Integral.

sábado, 30 de agosto de 2014

Na pesquisa da TV Liberal Helder tem 40% para governador e Paulo Rocha 23% para senador



Pesquisa da TV LIBERAL insiste em empate entre os candidatos Helder (PMDB) e Jatene (PSDB),  com 40% das intenções de voto para cada um deles. Em seguida aparecem os candidatos Zé Carlos (PV) e Marco Carrera (PSOL), com 2%. Elton Braga (PRTB) e Marco Antonio (PCB) têm 1%. Esta é segunda pesquisa de intenção de voto feita pelo instituto sobre a eleição estadual após o registro das candidaturas.

A pesquisa foi realizada entre os dias 24 e 27 de agosto. Foram entrevistados 812 eleitores em 43 municípios do estado. A margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos.

Rejeição

O atual governador do Pará é o mais rejeitado, segundo o IBOPE, 30% não votariam nele em hipótese alguma:

- Simão Jatene: 30%
- Helder Barbalho: 23%
- Elton Braga: 12%
- Zé Carlos : 12%
- Marco Antonio: 11%
- Marco Carrera: 10%


PARA O SENADO

Para o senado o candidato Paulo Rocha (PT) cresceu e alcançou os 23% das intenções de voto, deixando Mario Couto (PSDB) para trás, com 17%. Jefferson Lima (PP), tem 13%. Duciomar Costa (PTB), tem 7%. Helenilson Pontes (PSD), Angela Azevedo (PSTU), Professor Simão (PV), Marcela Tolentino (SD), Renato Rolim (PCB), Pedrinho Maia (PSOL) e Eliezer Barros (PRTB) somam, juntos, 4%.

Pastor Everaldo (PSC) teria pedido R$ 20 milhões ao PT

Partido político, um negócio melhor que tráfico de drogas



Pastor Everaldo, aquele que se for eleito presidente vai vender a Petrobrás para combater a corrupção, comprou no próprio nome o PSC-Partido Social Cristão por R$ 20 milhões, a pedido e financiado pelo então governador Garotinho, que queria ter uma legenda auxiliar na sua candidatura à Presidência. Os dois brigaram algum tempo depois e o pastor ficou com o partido apenas para si na condição formal de vice-presidente. É negócio como poucos no Brasil. O investimento inicial foi dinheiro desviado de obras públicas e, no caso do PSC, dá um retorno só de Fundo Partidário a pequena fortuna de R$ 32 milhões anuais.

De dois em dois anos, nos períodos de eleição, a fortuna partidária cresce exponencialmente. Pastor Everaldo, como os donos de todos os partidos que se coligam em eleições proporcionais ou majoritárias, vende “seu” tempo de televisão para o líder da coligação. Às vezes a negociação não se completa por causa da ganância. De fato, Pastor Everaldo pediu ao PT R$ 20 milhões para se coligar com Dilma. A proposta foi recusada porque pareceu um excesso. (Aliás, R$ 20 milhões foi o que o PT na eleição de 2004 havia prometido a Roberto Jefferson, que disse ter recebido apenas R$ 4 milhões. A cobrança da diferença gerou um transtorno que veio a ser nacionalmente conhecido como mensalão!)

DARCI, isolado no PT de Parauapebas, apóia candidatos de fora

O ex-prefeito de Parauapebas não gosta mesmo do PT municipal, pois apesar da cidade oferecer 2 nomes para a disputa em 2014, Darci não quis nem saber, foi apoiar candidatos de fora do município.

Muitos dizem que a recíproca é verdadeira, nem o PT gosta do Darci e nem Darci gosta do PT de Parauapebas.

O ex-prefeito que já confessou querer sair do partido, pelo jeito ainda resiste e foi se abrigar na aba de duas candidaturas fortíssimas no PT paraense, com reais chances de êxito, apoiando para deputado estadual o ex-prefeito de Xinguara, Davi Passos, e para deputada federal a ex-governadora Ana Júlia.

O fato é que com esses apoios e uma provável eleição da Ana Júlia e do Davi Passos, DARCI pretende disputar a prefeitura de Parauapebas em 2016.

Marina já tem 50% no segundo turno


Derrota quase certa

Bom, só não vê quem não quer, Marina já é a virtual presidenta, bem verdade que o PT tem poder de reação, que o legado e a força de LULA é muito forte e ainda poderá tentar algo, mas também é verdade que Lula nunca ficou muito satisfeito com o modo de Dilma governar, que talvez o ex-presidente não esteja disposto a usar todo seu arsenal.

Derrota para o PT e Dilma

Para o governo, para o PT e para DILMA é uma derrota, já para LULA, nem tanto, talvez não seja bem uma derrota, afinal, Marina foi do seu governo por 6 anos e saiu por que quis, todo o PT à época se mobilizou para segurar a ministra Marina.

PT sem poder de reação

O fato é que o PT não tem poder de reação, o partido depende exclusivamente de LULA, no mais, padece do mesmo mal do PSDB, este por sinal, já abandonou seu candidato Aécio Neves, ninguém se espante se o mesmo ocorrer com o PT.

sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Zé Rinaldo (PSDB): candidatura foi a que mais cresceu em Parauapebas

Zé Rinaldo (PSDB), candidatura vai ganhando força nas ruas de Parauapebas



O candidato do PSDB, Zé Rinaldo, aos poucos vai ganhando corpo e hoje, segundo alguns observadores da cena política de Parauapebas, é a candidatura que mais cresce no município e na região.

Zé Rinaldo (PSDB) tem o apoio de vários prefeitos da região do Estado do Carajás, teve um deles  que "jurou de pés juntos" que apoiaria sua candidatura, o homem não cumpriu a palavra, mas diante da aceitação da candidatura, já tem gente dizendo que isso foi bom para o Zé Rinaldo (PSDB).

Marina Silva, segundo Zé Dirceu (PT), é o "Lula de saias"

MARINA SILVA, LULA E ZÉ DIRCEU

Para José Dirceu, Marina Silva (REDE-PSB) tem força semelhante à do ex-presidente Lula em 2002; por isso, sua frase mais recorrente nos últimos dias é: "Marina é o Lula de saias"!