domingo, 22 de janeiro de 2017

O governo é novo, mas um grupo do Valmir da Integral, até doadores de campanha, não quer sair da prefeitura

Governo novo, equipe nova, mas tem gente que não entendeu e quer manter cargos e contratos




Um grupo de agentes públicos, nomeados para cargos comissionados por Valmir da Integral, doou R$ 278 mil para a campanha do ex-prefeito

A lista de doadores que patrocinaram a campanha de Valmir da Integral é extensa, a maior parte ocupava cargos comissionados, mas acredite, querem renovar seus contratos na prefeitura de Parauapebas em 2017, no governo Darci Lermen, enquanto isso, vários que apoiaram o prefeito eleito estão aguardando sua oportunidade.


Paga a GRIFFO COMUNICAÇÃO e ainda sobra R$ 78 mil




O dinheiro doado pelo grupo, sozinho, dava pra pagar a GRIFFO COMUNICAÇÃO que fez a campanha derrotada Valmir da Integral, a GRIFFO recebeu, oficialmente declarados, R$ 200 mil, ou seja, diante dos R$ 278 mil doados pelo grupo, ainda tem uma sobra de R$ 78 mil.

Ele pagaram a GRIFFO pra derrotar DARCI LERMEN e aliados, mas quem perdeu foi VALMIR DA INTEGRAL, agora querem permanecer na maior normalidade.

Veja a LISTA DOS DOADORES da campanha de Valmir da Integral

Lista dos principais doadores da campanha do Valmir da Integral é pública e pode ser acessada clicando AQUI no www.tse.jus.br.


Mais de 20% do custo da campanha pago com salário de servidor

Do total geral gasto pela campanha de Valmir da Integral, 20,1% foi pago com doações realizadas por agentes públicos, ocupantes de cargos comissionados nomeados pelo próprio prefeito Valmir da Integral.

Percentual sobe pra 58.68%

Caso seja descontada a doação que o próprio prefeito fez pra sua campanha, o percentual dos recursos doados pelos ocupantes de cargos comissionados sobe pra 58.68%, algo mais que significativo.

Abuso estaria nas mãos do MPE

A lista de doadores de campanha estaria sendo analisada pelo Ministério Público Eleitoral (MPE), há indícios de ABUSO DO PODER POLÍTICO/ECONÔMICO, em virtude da quantidade de doadores que mantinham cargos comissionados nomeados pelo prefeito Valmir da Integral.

Principais doadores de campanha do VALMIR DA INTEGRAL com salários pagos pela prefeitura






Ronilda Hermelina da Silva,  controladoria geral do município, remuneração de R$ 6.415,95. Doou para a campanha de Valmir da Integral, em 13/09/2016, o valor de R$ 2.7000,00.


Izis Mendes Fick - Assessoria 1 - SEMED/Administração - remuneração R$ 6.099,82. Doou para a campanha de Valmir da Integral, em 13/09/16, o valor de R$ 6.000,00.


Priscila da Silva Sousa - Assessor Jurídico, remuneração R$ 6.099,82. Doou pra campanha de Valmir da Integral, na data de 13/09/2016, o valor de R$ 4.300,00.

Barbara Bandeira F.B. Martins, Controle Interno, remuneração de R$ 10.180,47. Doou para a campanha de Valmir da Integral, na data de 05/09/2016, o valor de R$ 4.000,00.

José de Fátima Rodrigues - Adjunto - SEFAZ - remuneração - R$ 9.045,55. Fez duas doações de R$ 8.300,00 cada uma delas, em  05/09/2016, total de R$ 16.600,00.

Marcelo Ramos Pontes, membro do Gabinete do ex-prefeito Valmir da Integral, com remuneração de R$ 9.097,69. Doou pra campanha de Valmir da Integral, em 05/09/16, o valor de R$ 6.500,00.

Maria Mendes da Silva - Secretária de Fazenda, com  R$ 22.553,80. Fez várias doações, em 02/09/2016, totalizando R$ 28 mil.


Maria Mendes também doou recursos pra campanha 


Flávia Cristina Queiroz Mariano - Secretária de Planejamento, remuneração R$ 10.180,47. Doou para a campanha de Valmir da Integral, em 02/09/2016, o valor de R$ 14.400,00.


Prefeito ao centro, rodeado pelos filhos e filha,
2 deles doadores da campanha



Wanterlor Bandeira Nunes, Chefe de Gabinete, remuneração R$ 10.336,88. Doou pra campanha de Valmir da Integral, em 02/09/2016, o valor de R$ 9.000,00.


Wanterlor Bandeira, também realizou doação

Contratos

A contadora da Prefeitura, Maria Onilce, prestou serviços ao prefeito Valmir da Integral. A empresa inciou suas atividades em 2013, no começo do governo anterior. 


Valmir da Integral e Onilce


Um plano publicitário contra o então candidato a prefeito de Parauapebas, DARCI LERMEN

O que se comenta é que o dinheiro doado na campanha do Valmir da Integral teria sido destinado para ações de marketing da GRIFFO contra o PMDB e as coligações do candidato a prefeito Darci Lermen, nas eleições de 2016.


Ex-prefeito Valmir (capacete), o blogueiro Bacana (microfone),
os publicitários Alexandre Amaral e Marcus Pereira

JATENE instalou o caos na segurança pública paraense

Já são mais de 30 mortos, apenas em Belém, numa verdadeira guerra de facções

Enquanto isso, JATENE compra R$ 12 mil só de "coca-cola"




BELÉM sob o terror de JATENE

Belém do Pará vive o terror da incompetência de SIMÃO JATENE, o governador do PSDB, a cidade já tem mais de 30 execuções desde o último dia 20, os assassinatos estariam relacionados com a morte do Rafael da Silva Costa.

Bandido

Somente bandido, membro de facção criminosa, acredita que se combate crime com mais crimes.

Gabinete

Em nota, a Polícia Militar informou que “a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Pará instalou na tarde desta sexta-feira um gabinete permanente de situação, envolvendo todos os órgãos da área para acompanhar e monitorar os acontecimentos”. 

Repeteco

O elevado índice de violência relembra a chacina ocorrida em 2014 nos bairros do Guamá, Jurunas e Terra Firme, em Belém, após a morte do cabo da Rotam Antônio Marco Figueiredo, conhecido como Pet. Na ocasião, 11 pessoas foram mortas após a execução do policial. Investigação sobre o caso aponta que alguns dos crimes foram uma retaliação contra a morte do PM.


sábado, 21 de janeiro de 2017

Organizadores estimam 1 milhão de pessoas nas ruas de Washington

Convocada por mulheres, multidões tomam as ruas contra TRUMP, nos Estados (Des)Unidos






O cartão de visita pra TRUMP

A imagem acima é do The New York Times, na cidade de Washington, cobertura dos protestos contra TRUMP, o 45° presidente dos EUA.

Os protestos também tomaram as ruas de Chicago, Los Angeles, Nova York e outras grandes cidades dos Estados Unidos.

Trump, que perdeu as eleições no voto popular, mas ganhou no colegiado, prometeu uma agenda muita próxima daquela que Hitler implementou na sua passagem pela ALEMANHA. 

Ninguém pode subestimar um louco, mas o caminho pra Trump parece mais próximo de um tribunal tipo Nuremberg.

Trump e Hitler

Os tempos são outros, mas a loucura é a mesma.

O Führer alemão cometeu suicídio, escapando da morte que 12 dos seus comparsas encontraram no tribunal de Nuremberg, mais de 70 anos depois, TRUMP quer pavimentar o caminho seguido pelos nazistas que dominaram a Alemanha e provocaram a 2a. Guerra Mundial.

Brasil tem sua caricatura

O Brasil tem sua caricatura de Hitler e de Trump, o deputado BOLSONARO, ele defende estupro, tortura e morte dos seus adversários, é tão louco que tem como seguidores, igualmente loucos, até sua potenciais vítimas - negros, gays, mulheres, nordestinos e nortistas.

O Bolsonaro é réu e deveria já ter sido condenado a prisão exemplarmente, pra ele nem precisa Nuremberg, é um idiota, que discursa pra idiota, alguns anos de cadeia em Pedrinhas-MA já resolveria.

Leia no próprio NYT  - Clique AQUI - www.nytimes.com

A Lava Jato apoia o MERCADO, este comemora a morte de TEORI, junto com a REDE GLOBO

Procurador Geral da República diz que a LAVA JATO apóia o "mercado", pois bem...




É inacreditável

Você que acompanha o noticiário da GLOBO e asseclas, já deve ter percebido que eles comemoram a morte de TEORI.

A discreta resistência do ministro era um empecilho para que a LAVA JATO arrasasse de vez com a PETROBRAS e as empresas brasileiras, o que de fato deseja os especuladores do "mercado", esse que "abre positivo" com a morte de TEORI.

GLOBO NEWS e Mercado Financeiro COMEMORAM a MORTE de ZAVASCKI, por assim o governo LAVA JATO ganha tempo

"... a morte do Ministro Teori Zavascki atrasa toda a avalanche que seria causada pela homologação das delações - a famosa "delação do fim do mundo" - e isto daria mais tempo ao Governo do presidente Michel Temer e a equipe econômica, que carrega grande credibilidade, a continuar tocando as coisas da economia e abre também espaço para que a reforma da Previdência avance mais ..."

Uma investigação séria

Infelizmente, hoje, uma Polícia Federal chefiada por político do PSDB é incapaz de fazer uma investigação séria e isenta sobre qualquer coisa.

Juiz que a GLOBO gosta não morre em acidente de avião, pode ter certeza disso


Resultado de imagem para globo premia juizes
O dono da GLOBO e seus juízes premiados


Até um ex-presidente já morreu em acidente aéreo no Brasil, o ditador Castelo Branco, mas juiz que recebe prêmio da GLOBO, morrer em acidente aéreo, isso nunca ocorrerá.

Não era sueco e nem premiado

TEORI não era lá essas coisas, não chegava a ser um juiz SUECO, mas longe de ser um juiz premiado pela GLOBO, o que já é algo a se comemorar.

Talvez tivesse sido melhor para TEORI seguir o roteiro traçado pelos poderosos donos da Rede Globo, que nem outros tipos de juízes fazem.

sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

O PSDB e a partidarização da Lava Jato, quadro se agrava com a morte de TEORI

Teori Zavascki não era de holofotes, podia colocar membros da Lava Jato na cadeia, por grampos ilegais


Jurista já denunciava ilegalidade da Lava Jato e seus laços com o PSDB, antes de Teori morrer




A presença de Juarez Cirino dos Santos

Juarez Cirino dos Santos é o professor e palestrante das principais universidades do mundo, na área criminal não tem par no Brasil, é reverenciado por renomados juristas como Claus Roxin e Raul Zaffaroni.

A presença de Juarez Cirino dos Santos coloca a famigerada Lava Jato do PSDB sob o olhar do principais juristas e universidades da Europa e Estados Unidos.

Ao se desviar da isenção o juiz e sua operação perderam completamente a credibilidade, virou piada.

A imagem que causa nojo nas pessoas de BEM, naqueles que defendem um poder judiciário sem interferência de políticos e de corruptos, uma das cenas mais grotescas e vergonhosas que se pode imaginar, o juiz SÉRGIO MORO, o COLLOR DE TOGA, quase aos "beijos" com o senador do PSDB, AÉCIO NEVES, político delatado dezenas de vezes, também conhecido como o "chato da propina" e como o "minêrin", personagem presente em planilhas de doações de empreiteiras:





Palmares x Darci: Uma relação construída em 23 anos.


- Parceria, alianças e divergências entre Movimento e Governo -


Preconceito - Durante muitos anos, mais de duas décadas, a direita política em Parauapebas, que aqui se define como de centro, acusava o território de Palmares II, de “curral eleitoral de Darci e do PT”. Termo além de expressar o jargão político das oligarquias locais para dar nome a “redutos eleitorais”, expressava e ainda expressa, o preconceito contra uma comunidade que é reconhecida como uma das mais politizadas da região.

Fruto da luta pela Reforma Agraria, Palmares sempre foi considerada como o “Quarte General do MST”. Assentamento que contribuiu e contribui com a formação de muitos militantes e dirigentes que ajudaram e ajudam a expandir a luta pela terra e pela Reforma Agraria para além das terras de Carajás.

Não é, imagino que nunca será “curral” de ninguém, pois esse status, de curral, o fora quando era um latifúndio. Libertado dessa forma de opressão, Palmares inaugurou uma nova forma de comunidade rural, que com toda sua deficiência, construiu uma engenharia político e social bem mais complexa do que possa crer aqueles que tentam rotula-la de modo preconceituoso.

Faixa de Gaza - Uma grande empresa da região, chegou a inclusive classifica-la como “território de terroristas”, por isso, a época, recusava-se a negociar coma comunidade. Se fosse Palmares uma Palestina, seria a própria “Faixa de Gaza”, governada por facções extremistas.

Para o espanto da esquerda e da direita de plantão, digo que Palmares é o território mais democrático, que conhecemos por essas bandas. Porque? Simples e complexo. Por baixo da bandeira vermelha do MST, uma rede de organismos funcionam e dão vida ao embrião de uma “democracia de novo tipo”. 

Juntos - harmônicos e com diferenças - convivem diversas denominações religiosas, cooperativas, associações, coletivo de mulheres, de jovens, de estudantes, de esporte, de cultura, de feirantes, de servidores públicos, sindicatos, desempregados, de grupos autônomos, trabalhadores rurais...que discutem, debatem, xingam, brigam por suas posições, e lutam para que o melhor se estabeleça como horizonte. E para isso uma nova geração já se levanta para assumir o comando. Isso é gente. Muita gente. Homens e Mulheres. Nem bois, nem vacas. Não somos “curral”. Somos comunidade de Resistência.

Aliança - Darci estava junto quanto rumamos a terra que nos libertaria da miséria. Por isso sempre, a maioria de nós esteve com ele, mas também com o PT, com Lula, com Dilma até seus últimos dias. Palmares foi o único território em que Coutinho, em 2012, derrotou Valmir, frente a humilhante derrota vermelha.

Mesmo com o equívoco do PT, que orientou voto no desastroso Valmir da Integral (o qual obteve um pouco mais de 10% na eleição passada) Palmares votou no que considerava mais esquerda e popular, que se expressa na candidatura de Darci (71% dos votos) que lhe rendeu mais de 2.000 mil (dos 4.100 que teve) a frente do adversário derrotado.

Isso quer dizer que anos de parceria foram harmônicos? Nada, Porque Movimento é movimento e Governo é Governo. Um lutará por autonomia e o outro - como expressão do Estado - para domestica-lo e assim construir paz social quando medidas anti- populares forem necessárias para garantir governabilidade.

Divergentes - No atual momento a divergência pequena (para alguns) consiste na defesa da autonomia da comunidade em garantir ELEIÇÃO DIRETAS PARA DIREÇÃO ESCOLAR.

Tão grande é justa a causa que o Programa de Governo de Darci, aprovado em plenárias populares durante a campanha, consta “ELEIÇÃO DIRETA PARA DIREÇÃO DAS ESCOLAS MUNICIPAIS”.

Se é legitima essa proposição da sociedade ao Programa de Governo, porque liquidar com a única experiência de eleição direta no município? 

Seria um retrocesso democrático.

Eleições Diretas para a Direção das Escolas da Rede Municipal e de Ensino, é a única ferramenta para a democracia entrar pela porta da frente da escola. E, para o desavisado e ignorante que escreveu nesse blog (Sol de Carajás) *, a única ferramenta para acabar com os “currais nas escolas”. Uma espécie de Reforma Agraria na educação.

Como tal, não sei se ela virar por decreto. Porque qualquer reforma democrática e popular só acontece com participação popular. No caso da eleição para direção escola, é um horizonte que não vejo.

Tarefa de todos os democratas, socialistas, comunistas ou não. Basta ter bom censo. Manter a chama da democracia acessa nas escolas de Palmares é um dever cívico.

19 de janeiro de 2017


JORGE NERI
Militante do MST- MAM
Presidente da Aprocpar -Palmares

quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

Parauapebas: Governo inicia serviço emergencial de recuperação das vias urbanas

Começou o programa de recuperação emergencial das vias urbanas de Parauapebas




Intervenção rápida 

O governo DARCI LERMEN e SÉRGIO BALDUINO iniciou o SERVIÇO EMERGENCIAL DE RECUPERAÇÃO ASFÁLTICA das ruas de Parauapebas.

O Bairro Cidade Jardim já foi contemplado nesta quinta-feira (19), foi realizada a recuperação asfáltica da Avenida J, uma das principais da cidade de Parauapebas, a via é uma ligação importante entre os principais bairros do município.

Serviço emergencial de recuperação asfáltica  

A intervenção emergencial visou tapar os buracos que já tomavam a avenida, o serviço será estendido para outras ruas do município.

Veja mais imagens


A imagem pode conter: árvore e atividades ao ar livre

Universidade Federal do RJ - Nota sobre a denúncia do MPF relativa ao ato pela democracia






A Constituição Federal de 1988 expressa valores, concepções e conceitos democráticos que somente foram possíveis em virtude da experiência de uma feroz ditadura empresarial-militar que censurou, afastou docentes e estudantes, aposentou compulsoriamente dedicados servidores (AI-5, Decreto 477), assassinou jovens e, por meio das assessorias de informação, instituiu as delações anônimas e o medo no interior das universidades. Produzir ciência, arte e cultura, nesse contexto, foi um gesto corajoso de afirmação da democracia. Essa é uma história que precisa ser conhecida para que não venha a ser repetida no futuro próximo do país. 

No preâmbulo da Constituição, o objetivo da elaboração da nova Carta é assim sintetizado: “instituir um Estado Democrático”. O uso do verbo é preciso: tratava-se, então, de instituir o que não havia no país. E, para isso, a Constituição assegurou em alguns de seus artigos: art. 5, IV: “é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato”; IX: “é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença; art. 220: “A manifestação do pensamento, a criação, a expressão e a informação, sob qualquer forma, processo ou veículo não sofrerão qualquer restrição, observado o disposto nesta Constituição”.

No Capítulo dedicado à educação, a Constituição assegura a “liberdade de aprender, ensinar, pesquisar e divulgar o pensamento, a arte e o saber” (Art.206, II) e, para que a própria instituição possa garantir essas condições de liberdade de pensamento, declarou, no Art. 207, que “As universidades gozam de autonomia didático-científica, administrativa e de gestão financeira e patrimonial, e obedecerão ao princípio de indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão”.

No processo que levou ao impeachment da então presidenta Dilma Rousseff, a Universidade Federal do Rio de Janeiro manifestou, em diversas ocasiões, extrema preocupação com o método levado a cabo pelo ex-presidente da Câmara, Eduardo Cunha, atualmente preso, e pela forma como o processo estava sendo encaminhado pelos meios de comunicação, por meio de vazamentos de sigilo seletivos e pelo uso de procedimentos estranhos aos fundamentos do Estado Democrático objetivado pela Constituição. Longe de expressão partidária, a UFRJ se sente compelida, permanentemente, a defender os pilares do Estado Democrático e os direitos sociais que consubstanciam a democracia. E assim o fez por meio de seu órgão deliberativo máximo: o Conselho Universitário. Foi com esse objetivo, generoso com o país, que publicizou moções e realizou um ato afirmando o seu inarredável compromisso com a democracia. A judicialização, pretendida pela ação do Sr. Procurador Fabio Aragão, confunde, deliberadamente, a defesa da democracia e o gozo da autonomia constitucional com ação partidária. A UFRJ tem confiança em que o Judiciário saberá interpretar os preceitos constitucionais, assegurando a liberdade de manifestação da comunidade universitária, em especial de seus estudantes, e da instituição. 

Reitoria da UFRJ

Com agenda social intensa, prefeito DARCI e equipe priorizam atendimento à população

Para o povo, portas abertas até de madrugada




Duas horas da madrugada, agenda intensa e prioridade é atender à população

Mesmo diante de uma agenda de início de governo intensa, chegando de compromissos institucionais na capital do estado, onde foi prestigiar a posse da nova presidência do Tribunal de Contas dos Municípios, DARCI LERMEN fez questão de atender a todos os populares que o aguardavam na prefeitura de Parauapebas, para isso, o expediente do gabinete e de algumas secretarias chegou até as DUAS horas da madrugada.

Prefeito, secretários e servidores à disposição 

Para que nenhum dos populares que compareceram à sede da prefeitura de Parauapebas ficassem sem atendimento, o prefeito Darci Lermen e sua equipe permaneceram até as duas horas da madrugada, todos que estiveram na prefeitura foram recebidos pelo prefeito e sua equipe, um por um, ouvindo as sugestões e dando os devidos encaminhamentos.

A ação atende especificamente à população, e busca aproximar a comunidade da Prefeitura, dando uma atenção especial a cada pessoa recebida.

Satisfação e portas abertas

Umas das pessoas atendidas foi dona Maria, cidadã, dona de casa, moradora do complexo VS-10 - Parque das Nações, ela veio reivindicar melhoria para a sua rua, ao fim da reunião com o prefeito ela externou: “Gostei muito do atendimento e desta oportunidade que o Prefeito Darci está nos dando de nos ouvir e buscar resolver nossos problemas. Muito obrigada, sei que o prefeito precisa da ajuda da população para ficar informado dos nossos problemas para trazer solução, como foi meu caso”

Retomar agenda social 

O objetivo é ouvir a população para focar as ações sociais do governo, inovando em várias áreas, mas também retomando programas que foram abandonados na última gestão, como o projeto PIPA - Parque de Inclusão Social de Parauapebas.

População estava sem voz e sem espaço

Nos últimos 4 anos a população estava praticamente sem acesso à prefeitura de Parauapebas, as portas do Morro do Ventos pareciam intransponíveis aos mais humildes.

Imagens

Canaã dos Carajás receberá uma nova Vara do Poder Judiciário

Pleno do Tribunal de Justiça do Pará 



Duas nova Varas no interior do Pará

A Justiça paraense vai ampliar a sua atuação no interior do Estado. Duas cidades será beneficiadas: Canaã dos Carajás e Novo Progresso.

A novo órgão da justiça de Canaã dos Carajás será denominada de 2ª Vara Cível e Empresarial, terá competência para processar e julgar os feitos de Família, Registros Públicos, Fundações, Acidentes de Trabalho, Falência e Recuperação Judicial e, por distribuição, os feitos cíveis e empresariais. Com a sua criação, a 1ª Vara Cível e Empresarial passará a ter competência para os feitos da Infância e Juventude e da Fazenda Pública, incluindo execuções fiscais, além dos feitos cíveis e empresariais por distribuição.

quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Canaã dos Carajás: Prefeito insiste em manter esposa no cargo, diz que confia 200%

Jeová Andrade arrisca tudo ao insistir na nomeação da sua esposa pra secretaria de finanças


Waina Andrade e Jeová Andrade - prefeito confia na esposa


Cargo político 

O cargo é de natureza política e por isso, pensam alguns, que tudo estaria liberado, inclusive a nomeação de parentes sem qualquer critério. 

Pensar assim, que fazer

A lei não permita que seja assim, nem a jurisprudência, embora advogados e procuradores públicos, do tipo que "vendem" facilidades, sempre falam o que esses tipos de políticos desejam, até porque as consequências sempre ficam, de regra, para depois que o sujeito, no caso, o prefeito, deixa seu cargo.

Não vai bem

Um prefeito que nomeia sua própria esposa pra chefe da secretaria de finanças carece de bom senso, algo que fica evidente quando esse mesmo prefeito, questionado, responde que nomeia porque ela "é servidora efetiva e que confia 200%" (Leia no Portal Canaã).

Nada foi dito pelo prefeito quanto à capacitação técnica da Sra. WAINA ANDRADE, por certo, o silêncio pode ser esclarecedor.

Alhos e bugalhos

O prefeito confunde alhos e bugalhos e coloca sua vida privada, externando o óbvio e ululante, ou seja, a confiança que todo esposo tem que nutrir pela esposa, como se isso fosse justificativa para se oferecer emprego público.

A confiança de um marido na sua esposa não é requisito pra ela ser nomeada pra ocupar qualquer cargo público, muito menos pra uma secretaria extremamente técnica, como a de finanças.

Risco político e jurídico

Mas se você ainda acredita no que JEOVÁ professa, insistindo na nomeação da sua esposa pra cargo de secretária, acredita que isso é algo liberado pelo Supremo Tribunal Federal (STF), melhor mudar de conceito, veja você mesmo no STF - basta clicar AQUI no www.stf.jus.br. 


terça-feira, 17 de janeiro de 2017

Eles não tem vergonha, nem os togados que aceitam seus "prêmios"

"É mais fácil passar um camelo pelo buraco de uma agulha do que um rico entrar no reino de Deus




Era pra ser assim, mas é só premiar os juízes brasileiros 

Segundo a Bíblia (Mateus 19:24), entrar no céu seria uma tarefa difícil para um homem rico, claro, isso não vale pra rico que premia juízes tipo Sérgio Moro, nem pra fabricante de cachaça que financia político do PSDB, muito menos para banqueiro ou pra traficante que doa dinheiro ao atirador de pedra Silas Malafaia.

Evidente, Cristo não quis dizer isso o que disse, ele falava apenas para um jovem rico, isso faz muito tempo, não podemos aplicar isso no caso do Brasil.


Os 6 mais equivalem aos 100 milhões mais pobres do Brasil

Relatório da ONG Oxfam aponta que os seis homens mais ricos do Brasil possuem uma fortuna igual a soma da metade da população mais pobre do país, cerca de 100 milhões de pessoas.


Os indecentes

Na lista dos mais ricos estão o sócio da Ambev, Jorge Paulo Lemann, o dono do banco Safra, Joseph Safra, outros dois sócio da Ambev Marcel Hemann Telles e Carlos Alberto Sicupira, o cofundador do Facebook, Eduardo Saverin, além do herdeiro do grupo de comunicações Globo, João Roberto Marinho.


A famigerada família que destrói o BRASIL

O levantamento da Oxfam aponta que se for considerado a fortuna dos 3 herdeiros da Globo, isso mesmo, aqueles que dão prêmios para membros do judiciário brasileiro, juízes que na Suécia nem se imagina existir, o fosso entre 100 milhões de brasileiros e os indecentes bilionários seria ainda maior.


Lula e seu governo combateu a desigualdade e por isso vive sob à perseguição dos indecentes bilionários e seus juízes 

No período do governo LULA, diz o relatório da ONG, os salários pagos aos 10% mais pobres neste período subiram mais que os salários pagos aos 10% mais abastados, talvez isso explique os prêmios que os donos da GLOBO dão aos juízes não suecos, os togados fura teto, para perseguirem o eterno presidente do povo brasileiro.

Marabá: Prefeito decreta emergência financeira, mas quer alugar sala em shopping center

Na hora de alugar sala em shopping, Tião Miranda abre o sorriso e diz que é "bem baratinho"

Desse jeito, a depressão de Tião alaga MARABÁ


video


A depressão de Tião é só contra os professores, pra alugar sala em shopping tudo fica "bem baratinho" e ele se anima todo

As pérolas do prefeito de Marabá é pra fazer chorar qualquer pessoa de bom senso, sua entrevista pra tentar passar a idéia de que recebeu uma terra arrasada foi um desastre. Tião coloca nas contas dos outros as dívidas que ele mesmo deixou quando foi prefeito de Marabá.

Pra professor, Tião depressivo. Pra shopping, Tião festivo

Pra pagar os direitos dos professores Tião Miranda entra em depressão profunda, ataca com virulências os direitos duramente conquistados pela categoria e ainda diz que "1.000" professores formam uma casta de privilegiados que podem destruir o futuro de Marabá.

Tudo muda, ele fica animado e a depressão toma doril

Quando perguntado sobre a possibilidade alugar salas num shopping de Marabá a alegria invade o rosto de Tião Miranda seus "olhinhos" entram em festa, a depressão toma "doril", é "bem baratinho".

Para ajudar o shopping é "bem baratinho", mas para ajudar os professores Marabá pode quebrar (volta a depressão de Tião)

Tião se anima todo, como se tivesse descoberto a fórmula perseguida pelos alquimistas, o ouro pra Marabá está garantido, basta alugar salas em shopping.

Dinheiro pra dono de "shopping" é bem baratinho, mas para professor pode quebrar a cidade de Marabá, compromete o futuro

Evidente, isso não é depressão, isso tem outro nome nas patologias que acometem as mentes alucinadas dos políticos de direita no Brasil.

Um político que acha barato alugar salas em shopping e caro pagar dignamente professores, deixa toda sua cidade em depressão.

Marabá viverá dias de depressão

Tião Miranda é aquele político que alegou uma depressão profunda pra renunciar ao cargo de prefeito e deixar seu vice no mandato, enquanto isso ele ficaria um deputado sem depressão, servindo ao Jatene.

Veja o ataque de Tião aos direitos dos professores


video

Partidários do vereador MIQUINHAS querem cargos públicos na Palmares II

Resultado de imagem para miquinhas vereador parauapebas mst



Derrotado e inconformado

Partidários do vereador MIQUINHAS, que domina parcela do MST em Parauapebas, estariam inconformados com a perda da eterna boquinha, mesmo derrotado nas urnas, o vereador ainda quer manter seus cabos eleitorais nos cargos públicos do seu recanto, que ele pensava tratar de um eterno curral eleitoral.

As estranhas contas da SAAEP no ano eleitoral de 2014 - a prefeitura deu mais de R$ 67 MILHÕES

Rombo financeiro na SAAEP - mais de R$ 29 MILHÕES estão sem paradeiro conhecido 

Um bomba pode explodir nas contas da SAAEP, governo municipal deve realizar uma auditoria na instituição e até decretar emergência financeira


Passagem de Gesmar na SAAEP ainda gera muita polêmica


Em 2014, ano da eleição do Gesmar pra deputado, foram mais de R$ 67 MILHÕES transferidos da prefeitura para a autarquia

Em 2014, a farra na SAAEP não teve precedentes, apenas de transferência financeira dos cofres da prefeitura para a autarquia o cidadão de Parauapebas contribuiu com mais de R$ 67 MILHÕES (Clique AQUI).

O pior, as despesas divulgadas pelo Portal da Transparência não cobrem boa parte dos recursos que foram transferidos pela prefeitura.

Outro fato, que soa estranho, a despesa na autarquia sempre cresce no ano eleitoral, voltando a cair no ano subsequente.

O rombo

O estranho, nisso tudo, lembrando que esse ano de 2014 foi o ano da eleição de GESMAR ROSA para deputado e ano em que Valmir da Integral se engajou na reeleição do nefasto SIMÃO JATENE, pois bem, nesse ano, o PORTAL DA TRANSPARÊNCIA DA SAAEP diz que foram gastos apenas R$ 38.81 MILHÕES, restando comprovar as despesas com cerca de R$ 29 MILHÕES, ou seja, será que ninguém sabe onde foi parar a quantia de mais de R$ 29 MILHÕES (Veja AQUI as despesas de 2014).




Em 2014 a torneira da SAAEP jorrou em todo o estado

O que se comenta é que a torneira da SAAEP jorrou em todas as cidades do Pará, no ano eleitoral de 2014.

2016 em análise

Dizem que no ano de 2016 as coisas também foram estranhas na SAAEP, falam que o ex-prefeito e um vereador reeleito estão em rota de colisão, a briga teria 25 milhões de motivos.

A crise na SAAEP

O que impressiona é o total descontrole do TCM-PA e do Ministério Público do Pará sobre as contas da SAAEP.

A SAAEP tem sido utilizada para tudo, menos fornecimento de água e saneamento à população de Parauapebas.

Caos 

A cidade viveu o caos no fim do ano de 2016, sem abastecimento d'água em muitos bairros, naqueles que a população não tem água encanada (acredite, isso ainda existe na capital do minério) nem os caminhões pipas circulavam, mesmo que os moradores pagassem "por fora".


Veja os gastos e receitas da SAAEP 

Gastos em 2014 - R$ 38.818.427,47 (sendo que a prefeitura transferiu mais de R$ 67 MILHÕES)

Gastos em 2015 - R$ 36.356.855,12

Gastos em 2016 - R$ 39.076.974,75

Clique abaixo e veja no PORTAL DA TRANSPARÊNCIA os relatórios com os gastos

GASTOS em 2014
GASTOS em 2015
GASTOS em 2016

Receitas em 2016
Receitas em 2015

segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Carnaval volta às suas origens em Parauapebas


Depois de alguns anos, o carnaval de Parauapebas voltará ao seu local de origem

Nos últimos 4 anos o carnaval de Parauapebas perambulou por outros locais, mas agora voltará à praça de eventos, ficando mais próximo do povo e dos foliões.

Custo

Também, esse ano o custo será reduzido, mas não seria justo deixar a população sem a grande festa nacional, por isso, o secretário de cultura Popó e o prefeito Darci Lermen não aceitaram os argumentos de que deveriam cancelar a festa.

Decisão correta

A volta do carnaval para a PRAÇA DE EVENTOS é medida certa, o ponto é mais acessível ao público em geral e o custo é bem menor.

O secretário de cultura, Popó Costa, mandou bem.

Há quem critique, faz parte, há quem não curta o carnaval, também faz parte.